Seguir o O MINHO

Liga Europa

O grupo do Vitória SC na Liga Europa: adversários, jogos, curiosidades e perspectivas

em

DR
Anúncio

Futebol

“Temos contribuído para o ‘ranking’ de Portugal”

Declarações

em

Foto: Divulgação

Declarações no final do encontro Sporting Clube (SC) de Braga-Besiktas (3-1), da quarta jornada do Grupo K da Liga Europa de futebol:

– Ricardo Sá Pinto (treinador do SC Braga): “Enquanto matematicamente for possível para as três equipas (Braga, Wolverhampton e Slovan Bratislvava), temos de respeitar, pois no futebol tudo é possível.

Estamos bem posicionados, com trabalho e competência dos jogadores, e muito orgulhosos, mas falta o ‘match point’ para nos podermos qualificar para a fase seguinte. Mas, nos dois jogos que nos faltam, não podemos jogar para esse ponto, porque podemos correr riscos, mas manter a postura que tivemos até aqui.

Às vezes o ‘match point’ é o mais difícil, é verdade. Tenho muitos anos de futebol, é um alerta, mas de confiança porque temos uma margem confortável. Precisamos de um ponto, era pior se precisássemos de seis.

Sá Pinto supera recorde de Jesus, com oitavo jogo sem perder na Europa

A equipa tem jogado sempre um bom futebol, tem dominado maioritariamente os adversários, tem justificado outros resultados, mas não tem tido felicidade em muitos jogos. Hoje, voltámos a sofrer um golo de forma inesperada. Tem sido a nossa história, temos de ser mais exigentes, mais rigorosos e mais concentrados, mas tudo se melhora com trabalho.

Mas, reagimos rapidamente a essa adversidade e pusemo-nos na frente do resultado ainda antes da expulsão [do jogador do Besiktas]. Os jogadores fizeram um jogo extraordinário, estou satisfeito. Também gosto muito de ganhar, temos feito tudo para isso, mas nem sempre é possível, importa saber porquê e nós sabemos.

Temos contribuído para o ‘ranking’ de Portugal, na luta direta com a Rússia. Hoje, mais uma vez, os pontos foram importantes, foi um dia bonito.

(Convocatória da seleção) Não devo comentar por respeito, tenho grande simpatia e amizade pelo selecionador Fernando Santos, que foi meu treinador e é o nosso selecionador. Ele é capaz de perceber quem são os melhores jogadores para representar Portugal. Se me perguntar se gostava de ter jogadores do Braga lá, logicamente que sim, mas temos de respeitar as escolhas”.

Imparáveis na Liga Europa: Braga ‘arruma’ Besiktas e está “com pé e meio” nos 16 avos

– Recep Ucar (treinador adjunto do Besiktas): “Foi um jogo complicado. Nós analisámos bem o Braga e conhecíamos bem a sua equipa. Começámos bem o jogo até ao primeiro golo, depois reagimos e empatámos, mas depois veio o 2-1 e a expulsão, que acho que foi injusta.

Depois, o Braga é uma equipa bem organizada e foi bastante difícil contrariá-la. Aguentámos e tivemos duas chances para empatar, mas o Braga fez o 3-1 e o jogo acabou”.

Continuar a ler

Futebol

Sá Pinto supera recorde de Jesus, com oitavo jogo sem perder na Europa

SC Braga

em

Foto: Instagram

O Sporting Clube de Braga somou hoje o 11.º jogo consecutivo sem perder na Liga Europa em futebol e oitavo em 2019/20, batendo o recorde europeu dos arsenalistas numa época, os sete do onze de Jorge Jesus em 2008/09.

Há 11 anos, o atual treinador dos brasileiros do Flamengo conduziu os bracarenses a sete triunfos de rajada na Europa, dois na Taça Intertoto e cinco na Taça UEFA, com a cereja de não ter sofrido um único golo na série.

Na presente temporada, o onze de Ricardo Sá Pinto já fez melhor, pois soma sete triunfos e uma igualdade, cedida na receção ao Slovan Bratislava (2-2), na segunda jornada, num embate em que esteve a vencer por 1-0 e 2-1.

De resto, os arsenalsitas só colecionaram vitórias, quatro das quais nas pré-eliminatórias, duas com o Brondy, na terceira (4-2 fora e 3-1 em casa), e outras tantas com o Spartak Moscovo (1-0 em casa e 2-1 fora), no play-off.

“Temos contribuído para o ‘ranking’ de Portugal”

A série de triunfos prosseguiu com um triunfo por 1-0 no reduto do Wolverhampton, com um tento de Ricardo Horta, que já havia marcado os três face aos russos.

Após o 2-2 com os eslovavos, o Sporting Clube de Braga retomou o ciclo de triunfos europeus, com duas vitórias sobre o Besiktas, por 2-1 em Istambul, e por 3-1 na Pedreira, hoje, com um bis de Paulinho e um tento do suplente Wilson Eduardo.

Imparáveis na Liga Europa: Braga ‘arruma’ Besiktas e está “com pé e meio” nos 16 avos

O Braga superou, assim, a sua melhor marca de invencibilidade numa época, sendo que são já 11 os seus jogos seguidos sem perder na Liga Europa, numa série iniciada ainda em 2017/18.

Depois do desaire por 3-0 em Marselha, na primeira mão dos 16 avos de final da Liga Europa de 2017/18, a formação minhota venceu o jogo da segunda mão, por 1-0, e, na época passada, na terceira pré-eliminatória, empatou os dois jogos com o Zorya (1-1 fora e 2-2 em casa). Ricardo Horta marcou nos três encontros.

Em 2008/09, o registo vitorioso iniciou-se com dois triunfos face aos turcos do Sivasspor (2-0 fora e 3-0 em casa), na Taça Intertoto, que o Braga conquistou, ao ser, entre as 11 equipas que venceram as finais, a que chegou mais longe na Taça UEFA.

Depois, o onze de Jorge Jesus superou os macedónios do NK Zrinjski (1-0 em casa e 2-0 fora), na segunda pré-eliminatória, e os eslovacos do Artmedia (4-0 em casa e 2-0 fora), na primeira eliminatória.

Na fase de grupos, o Sporting de Braga começou com um triunfo por 3-0 na receção aos ingleses do Portsmouth, sendo apenas travado pelo brasileiro Ronaldinho Gaúcho, que, aos 90 minutos, em San Siro, permitiu ao AC Milan vencer por 1-0.

Continuar a ler

Futebol

Imparáveis na Liga Europa: Braga ‘arruma’ Besiktas e está “com pé e meio” nos 16 avos

Beneficia da vitória do Wolverhampton

em

Foto: Twitter / SC Braga

O Sporting Clube (SC) de Braga venceu esta quinta-feira o Besitkas, 3-1, num jogo da quarta jornada do Grupo K da Liga Europa de futebol, e está com um ponto dos 16 avos de final.

Com 10 pontos, mais um do que o segundo classificado, o Wolverhampton, que hoje venceu o Slovan Bratislava (1-0), basta aos minhotos um empate nos dois jogos que lhe faltam (Wolverhampton, em casa, e Slovan Bratislava) para seguir em frente.

Paulinho bisou, aos 14 e 37 minutos, mas o Besiktas, que jogou com menos um desde o final da primeira parte, empatou pelo meio, por Tyler Boyd (29). Wilson Eduardo sentenciou o resultado, aos 81 minutos.

O Braga continua a sua grande campanha europeia, com sete vitórias e um empate (contando com os jogos das fases de qualificação), mas a exibição não foi brilhante, sentindo-se em determinados momentos os efeitos dos dois últimos resultados negativos no campeonato (derrota 2-0 com Boavista e empate caseiro com Famalicão, 2-2).

Sá Pinto supera recorde de Jesus, com oitavo jogo sem perder na Europa

O Besiktas entrou para esta ronda com zero pontos e, com esta derrota, fica sem qualquer hipótese de seguir em frente.

Com Eduardo na baliza e Wallace no eixo defensivo (em vez de Matheus e Pablo), o Braga inaugurou cedo o marcador, aos 14 minutos, por Paulinho, de cabeça, após canto da esquerda cobrado por Sequeira.

O jogo era desgarrado de parte a parte e, aos 29 minutos, uma intervenção infeliz de Bruno Viana ‘assistiu’ Tyler Boyd na área: o neozelandês que passou pelo Vitória de Guimarães tirou Sequeira do lance e rematou rasteiro, empatando a partida.

O Braga reagiu bem e, aos 37 minutos, Sequeira solicitou Galeno na esquerda, o extremo cruzou de primeira e Paulinho, ante Karius, não perdoou e fez o segundo da conta pessoal e dos gverreiros.

A defesa bracarense, no entanto, não inspirava muita confiança e, aos 40 minutos, um lance muito confuso na área, com Eduardo a falhar a interceção, podia ter dado novo empate.

A equipa turca, que não teve no banco o seu treinador, Abdullah Avci, sofreu um rude golpe pouco antes do intervalo: Lens foi expulso por entrada dura sobre Palhinho, que, pouco depois, ‘disparou’ de muito longe obrigando Karius a boa defesa.

Logo a abrir a segunda parte, Fransérgio dispôs de uma boa ocasião para marcar, após grande passe de André Horta (46 minutos) e, seis minutos depois, o mesmo jogador, em ótima posição, cabeceou por cima, após grande cruzamento de Galeno.

“Temos contribuído para o ‘ranking’ de Portugal”

O Braga foi gerindo o jogo no meio-campo dos turcos e, talvez pensando já na deslocação a Guimarães, domingo, para a I Liga, Sá Pinto refrescou o ataque com Wilson Eduardo e Rui Fonte e ambos obrigaram Karius a boas defesas pouco tempo depois de terem entrado (66 e 68 minutos).

Aos 78 minutos, Yalçin e Tyler Boyd criaram as duas melhores situações dos turcos, sendo que na primeira Eduardo teve mesmo de empenhar-se, mas Wilson Eduardo ‘matou’ o jogo pouco depois, antecipando-se a Karius após centro de Galeno da esquerda (81).

O próximo jogo da Liga Europa é em casa, com os ingleses do Wolverhampton, em 28 de novembro, e pode ditar o apuramento dos ‘arsenalistas’ e também do ‘onze’ de Nuno Espírito Santo.

Ficha de Jogo

Jogo no Estádio Municipal de Braga.

SC Braga – Besiktas, 3-1.

Ao intervalo: 2-1.

Marcadores:

1-0, Paulinho, 14 minutos.

1-1, Tyler Boyd, 29.

2-1, Paulinho, 37.

3-1, Wilson Eduardo, 81.

Equipas:

– SC Braga: Eduardo, Esgaio, Bruno Viana, Wallace, Sequeira, Palhinha, André Horta (Trincão, 77), Fransérgio, Ricardo Horta (Wilson Eduardo, 60), Galeno e Paulinho (Rui Fonte, 67).

(Suplentes: Matheus, Diogo Viana, Pablo Santos, Claudemir, Trincão, Wilson Eduardo e Rui Fonte).

Treinador: Ricardo Sá Pinto.

– Besiktas: Larius Karius, Niecip Uysal, Domagoj Vida, Enzo Roco, Caner Erkin (Pedro Rebocho, 63), Oguzhan Ozyakup, Kartal Yilmaz (Mohamed Elneny, 72), Jeremain Lens, Tyler Boyd, Umut Nayir e Guven Yalcin (Erdem Secgin, 88).

(Suplentes: Utku Yuvakuran, Erdogan Kaya, Pedro Rebocho, Mohamed Elneny, Adem Ljajic, Kerem Kalafat e Erdem Secgin).

Treinador: Abdullah Avci (ausente devido a gripe – no banco esteve o adjunto Recep Ucar).

Árbitro: Gediminas Mazeika (Lituânia).

Ação disciplinar: cartão amarelo para Enzo Roco (18), Caner Erkin (20) e Bruno Viana (58). Cartão vermelho direto para Jeremain Lens (44).

Assistência: 8.833 espetadores.

Continuar a ler

EM FOCO

Anúncio

ÚLTIMAS

Vamos Ajudar?

Reportagens da Semana

Populares