Seguir o O MINHO

Braga

Grávida de 40 semanas levada do hospital de Braga para Guimarães de madrugada

Crise na saúde

em

Foto: O MINHO / Arquivo

Uma mulher de 20 anos foi transportada do serviço de urgência do Hospital de Braga, onde se encontrava, para o serviço de obstetrícia do Hospital Senhora da Oliveira, em Guimarães, durante a madrugada desta segunda-feira.

Ao que O MINHO apurou, a jovem, com 40 semanas de gestação, encontrava-se com contrações “de sete em sete minutos”, tendo chegado a Guimarães com contrações “de três em três minutos”.

O alerta, dado via Centro de Orientação de Doentes Urgentes (CODU), ativou os Bombeiros Sapadores de Braga, que fizeram o transporte (cerca de 26 quilómetros).

A situação, recorde-se, ocorreu no seguimento do encerramento do serviço de obstetrícia do Hospital de Braga, devido a problemas de escala de médicos, entre as 08:00 de domingo e as 08:00 da manhã desta segunda-feira, tal como já acontecera, em idêntico período, de sexta-feira para sábado passados.

O Hospital de Braga registou, desde outubro de 2021, a saída, por aposentação ou rescisão, de cinco médicos obstetras, não tendo registado nenhuma entrada, disse à Lusa fonte da administração, na semana passada.

Segundo a fonte, o hospital tem “sinalizada a necessidade de contratação de médicos daquela especialidade, não tendo o número de recém-especialistas acompanhado esta necessidade”.

EM FOCO

Populares