Gravações do filme “Variações” já começaram em Fiscal

Gravações de “Variações”. Foto: Joaquim Gomes/O MINHO

As gravações do filme “Variações”, que retrata a vida do célebre cantor e cabeleireiro de Amares, já começaram em Fiscal, a freguesia de onde era natural António Variações, para poder entrar no circuito comercial em 2019, quando se completam 35 anos da sua morte, aquele que é um dos trabalhos cinematográficos mais aguardados na próxima temporada.

O adro da Igreja Paroquial de Fiscal foi o palco escolhido pela produtora do filme acerca de António Variações, a David & Golias / cinema e produção audiovisual, realizado por João Maia, um jovem com provas dadas na sétima arte, que nunca desistiu de levar para a frente este projeto, tal como o ator principal, Sérgio Praia, que interpreta o personagem de António Variações, depois de uma peça de teatro que fez, sobre este ilustre amarense.

Gravações de “Variações”. Foto: Joaquim Gomes/O MINHO
Gravações de “Variações”. Foto: Joaquim Gomes/O MINHO
Gravações de “Variações”. Foto: Joaquim Gomes/O MINHO
Gravações de “Variações”. Foto: Joaquim Gomes/O MINHO
Gravações de “Variações”. Foto: Joaquim Gomes/O MINHO
Gravações de “Variações”. Foto: Joaquim Gomes/O MINHO
Gravações de “Variações”. Foto: Joaquim Gomes/O MINHO
Gravações de “Variações”. Foto: Joaquim Gomes/O MINHO
Gravações de “Variações”. Foto: Joaquim Gomes/O MINHO
Gravações de “Variações”. Foto: Joaquim Gomes/O MINHO
Gravações de “Variações”. Foto: Joaquim Gomes/O MINHO
Gravações de “Variações”. Foto: Joaquim Gomes/O MINHO

Para primeiras filmagens foi escolhida a cena da única atuação de António Variações em Amares, que na realidade foi na freguesia vizinha de Carrazedo, não em Fiscal, a sua terra natal, mas neste caso o cenário escolhido foi o melhor, com povo anónimo e os figurantes emocionados a ouvir Sérgio Praia/António Variações cantar a música dedicada a sua mãe, Deolinda de Jesus, uma letra que está bem plasmada, junto ao busto do cantor em Fiscal.

A atriz Teresa Madruga, interpretando Deolinda de Jesus, afaga o filho, em cuja letra diz que a mãe não o compreende, mas o aceita,

António Variações na realidade atuou num casamento, em Carrazedo, tendo visto a mãe, entre o público, a quem desde logo dedicou aquela canção, uma passagem marcante na vida de António Ribeiro/António Variações, que no próximo ano completaria já 75 anos.

António Joaquim Rodrigues Ribeiro nasceu a 3 de dezembro de 1944, no lugar de Pilar, da freguesia de Fiscal, concelho de Amares, tendo falecido, vítima de doença, internado no Hospital da Cruz Vermelha, em Lisboa, dia 13 de junho de 1984, quando tinha 39 anos de idade, com uma carreira fulgurante no panorama musical precocemente interrompida.

Elenco

ANTÓNIO VARIAÇÕES: Sérgio Praia
FERNANDO ATAÍDE: Filipe Duarte
ROSA MARIA: Victoria Guerra
LUÍS VITTA: Augusto Madeira
DEOLINDA DE JESUS: Teresa Madruga
CARLOS BARBOSA: Afonso Lagarto
JORGE: Diogo Branco
PEDRO LATA: Nuno Casanovas
FREDERICO: Fernando Pires
PEDRO AYRES MAGALHÃES: Miguel Raposo
JELLE: Eric da Silva
MANUELA: Madalena Brandão
JOSÉ ANTÓNIO: Tomás Alves
LUÍS: Carlos Malvarez
DINO: Luís Moreira
RENATO: Filipe Albuquerque

Equipa técnica

Realização e Argumento: JOÃO MAIA
Fotografia: ANDRÉ SZANKOWSKI
Som: TIAGO RAPOSINHO
Figurinos: PATRÍCIA DORIA
Direção de Arte: SARA LANÇA
Caracterização: MAGALÍ SANTANA
Produção Musical: ARMANDO TEIXEIRA
Direção de Produção: TERESA AMARAL
Produtor: FERNANDO VENDRELL

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

Tamila Holub sétima na final dos 1.500 metros livres no Europeu de natação

Próximo Artigo

Milhares de pessoas nas ruas de Guimarães assistiram à Marcha Gualteriana

Artigos Relacionados
x