Seguir o O MINHO

Viana do Castelo

Governo nega exceção e Viana passa fogo de artifício para dia 25

em

Fogo de artifício passa para dia 25

O Governo esclareceu hoje que até ao dia 22 de agosto, data até à qual vigora o alerta vermelho devido ao risco de incêndio em sete distritos, se mantém a proibição do uso de fogo-de-artifício.

O presidente da Câmara de Viana do Castelo disse no sábado estar a aguardar resposta do Governo ao pedido de exceção na proibição de fogo-de-artifício, para permitir a realização, hoje, da Serenata, durante as festas da Agonia.

“Não haverá qualquer exceção à proibição total da utilização de fogo-de-artifício ou outros artefactos pirotécnicos, independentemente da sua forma de combustão. Enquanto vigorar a situação de alerta, as autorizações que possam ter sido emitidas devem ser suspensas”, diz uma nota do Ministério da Administração Interna enviada às redações.

Face à decisão do Governo, a câmara de Viana do Castelo anunciou já que a Serenata – fogo tradicionalmente lançado da ponte Eiffel sobre o rio Lima – será realizada no dia 25 à meia-noite.

Fogos de artifício já montados. Foto: O MINHO

Esta sessão de fogo de artificio encerra todos os anos a romaria da Agonia com milhares de pessoas concentradas nas margens do rio.

A situação de alerta foi declarada por despacho do ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, na sexta-feira, para os distritos de Braga, Bragança, Guarda, Porto, Viana do Castelo, Vila Real e Viseu.

O Governo manifesta ainda na mesma nota que respeita as “tradições do país, mas a situação de alerta que se vive no continente, com sete distritos em alerta vermelho, obriga a um cuidado e a uma atenção acrescidos por parte de todos”.

Anúncio

Viana do Castelo

Colisão com dois feridos graves corta estrada Barcelos-Viana

Acidente

em

Foto: DR

Uma colisão rodoviária provocou o corte total da EN 103, entre Alvarães e São Romão do Neiva, concelho de Viana do Castelo.

Há registo de dois homens com ferimentos graves, com idades compreendidas entre os 66 e os 70 anos.

No local estiveram os Bombeiros Sapadores de Viana, a Cruz Vermelha de Neiva, a VMER de Barcelos e a GNR.

O alerta foi dado cerca das 17:30.

Continuar a ler

Viana do Castelo

IPMA alerta banhistas para perigo de toxicidade dos bivalves em Viana

Ameijoa-relógio, mexilhão, lapa e ameijoa branca

em

Foto: Ilustrativa / DR

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) lançou um aviso para a zona litoral de Viana do Castelo face ao perigo de toxicidade de bivalves e outros moluscos que habitualmente se encontram nas praias.

Segundo aquele instituto, que atualizou o mapa de interdição de apanha e comercialização de “moluscos bivalves, equinodermes, tunicados e gastrópodes marinhos vivos”, está proibida a apanha deste género alimentar, tanto para profissionais como para os banhistas.

Em toda a costa de Viana do Castelo está interdita a apanha de ameijoa-relógio, mexilhão, lapa e ameijoa branca, “por conterem toxinas que provocam intoxicação paralisante”, sendo apenas permitida a apanha de ouriço-do-mar.

Ameijoa Branca

Lapa

De acordo com o IPMA, estes bivalves “podem conter toxinas que provocam intoxicação amnésica, intoxicação diarreica ou intoxicação paralisante”.

Continuar a ler

Viana do Castelo

Campeão do mundo agredido após evitar colisão entre canoas em Viana

Em Darque

em

Foto: DR / Arquivo

Sérgio Maciel, campeão mundial de maratonas C1 sub-23, em canoagem, foi agredido neste sábado junto a um hangar em Darque, Viana do Castelo, depois de um treino.

A situação foi denunciada pela equipa do atleta vianense, o Viana Garças Clube (VGC), que já apresentou queixa junto das autoridades policiais para que se iniciem diligências para identificar o agressor.

Em comunicado, o emblema refere que as agressões partiram do pai de um atleta do Darque Kayak Clube (DKC), que terá abordado Sérgio Maciel com uma “forma agressiva”.

Segundo a nota, durante o treino deste sábado, esteve em iminência uma colisão entre canoístas do DKC, ocorrência que terá sido imputada a Sérgio Maciel e ao pai, após se terem cruzado com esses atletas de formação no rio Lima.

“Os nossos atletas tentaram explicar a situação, em que o aparecimento súbito da margem direita do canal, de jovens e um treinador do DKC, potenciou uma colisão entre todos, mas que foi evitada pela destreza de Sérgio Maciel e pai”, argumenta o clube.

Mas o pai do atleta do DKC não colheu os argumentos e terá partido para uma agressão física contra os dois elementos do VGC, provocando-lhes ferimentos.

As vítimas acabaram por ser avaliadas com ferimentos ligeiros, no Hospital de Viana do Castelo.

(notícia atualizada às 23h44)

Continuar a ler

Populares