Seguir o O MINHO

Futebol

‘Futebol Sem Género’ teve “reunião produtiva” com secretária de Estado

Futebol feminino

em

Foto: DR / Arquivo

O movimento ‘Futebol Sem Género’ reuniu-se hoje com a secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade, Rosa Monteiro, para vincar a sua posição contra o limite salarial que a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) tinha proposto.

Na reunião, que foi agendada ainda antes de a FPF voltar atrás na sua decisão de estabelecer este teto salarial de 550 mil euros, esteve presente a jogadora do Famalicão Solange Carvalhas, que, à saída do encontro, disse à Lusa que foi uma “reunião produtiva”.

“Viemos falar não só desta questão, mas também de outras que no futebol feminino é preciso implementar. Nesse sentido, a reunião correu bem, foi muito produtiva e conseguimos um ‘feedback’ positivo”, disse a jogadora à saída do encontro com Rosa Monteiro.

A atleta, que também já passou pelo Sporting, onde assumiu o papel de capitã de equipa, diz que apesar do recuo da FPF em impor um teto salarial ao futebol feminino, o movimento vai “continuar atento”.

“Vamos aguardar o novo regulamento, que vai sair a 01 de julho, pois o comunicado emitido pela FPF dizia que iria ser encontrada uma alternativa ao teto salarial, com os mesmos objetivos. Vamos estar alerta para esse tema e outros, pois sempre que surgirem lutas deste género vamos estar aqui para ajudar as jogadoras”, frisou.

A proposta em causa constava no regulamento do campeonato de 2020/21, no artigo 93, ponto 1: “Face às circunstâncias excecionais decorrentes da pandemia COVID-19 e à necessidade de garantir o equilíbrio dos clubes e a estabilidade da competição, é estabelecido o limite máximo de 550 mil euros para a massa salarial das jogadoras inscritas na temporada 2020/21. Entende-se por massa salarial do plantel a soma dos salários e/ou subsídios declarados no contrato de cada jogadora.”

Contudo, num comunicado emitido poucos dias depois de ter sido conhecida esta proposta, a FPF deu nota da retirada dessa medida, garantindo que a “norma do limite orçamental não constará da proposta final”.

As jogadoras de futebol feminino em Portugal criaram o movimento ‘Futebol Sem Género’ contra o limite salarial que a FPF tinha estabelecido aos planteis do principal escalão, que acusavam de ser “discriminatório”.

O campeonato feminino de futebol terá mais oito equipas na próxima época, de 2020/21, passando de 12 para 20 clubes, informou em 06 de maio a FPF.

Anúncio

Futebol

Cristiano Ronaldo pela 15.ª vez na equipa do ano da UEFA votada pelos adeptos

Ao lado de jogadores como Messi e Lewandowski

Foto: DR / Arquivo

O internacional português Cristiano Ronaldo foi eleito pela 15.ª vez para a equipa masculina do ano, referente a 2020, votada pelos adeptos no site oficial da UEFA, anunciou hoje o organismo que rege o futebol europeu.

Numa lista dominada pelo Bayern Munique, vencedor da última edição da Liga dos Campeões, Ronaldo tem a ‘companhia’ do argentino Lionel Messi (FC Barcelona), que aparece pela 12.º vez nas escolhas, e do polaco Robert Lewandowski, do emblema germânico, eleito jogador do ano da UEFA em 2020.

Desde 2007 que o capitão da seleção portuguesa é sempre eleito para a melhor equipa dos adeptos da UEFA.

O ‘onze’ fica completo com Manuel Neuer (Bayern Munique), Joshua Kimmich (Bayern Munique), Sergio Ramos (Real Madrid), Virgil van Dijk (Liverpool), Alphonso Davies (Bayern Munique) ), Thiago Alcântara (Bayern Munique/Liverpool), Kevin De Bruyne (Manchester City) e Neymar (Paris Saint-Germain).

Os 50 nomeados foram selecionados pela equipa editorial da UEFA com base no desempenho dos jogadores nas competições europeias e nos campeonatos nacionais entre janeiro de dezembro de 2020.

Continuar a ler

Futebol

Gil Vicente ajuda a concretizar “sonho” de adepto de Moçambique

Clube de Barcelos ofereceu equipamento

Foto: Sopro - ONGD

Auxílio Augusto tem 25 anos, é de Moçambique, adora jogar futebol e tem como objetivo ser professor de Educação Física. “Queria muito ter um equipamento desportivo de um clube de futebol português”, conta a Sopro – Organização Não Governamental para o Desenvolvimento, de Barcelos. E o Gil Vicente permitiu cumprir esse sonho.

Foto: Gil Vicente FC

“Este jovem tinha um sonho de ter um equipamento do Gil Vicente FC… nós ajudamos a concretizar esse sonho”, escreve o clube da I Liga nas redes sociais, explicando que Auxílio Augusto é originário de Nampula mas encontra-se na Beira a seguir a formação de Irmão de La Salle e a apoiar as crianças apadrinhadas pela Sopro.

“Pequenos gestos mudam o Mundo”, conclui a Organização Não Governamental sediada em Barcelos.

Continuar a ler

Futebol

Sá Pinto oficializado como novo treinador do Gaziantep

Futebol

Foto: Divulgação

O português Ricardo Sá Pinto, ex-SC Braga, foi oficializado como novo treinador do Gaziantep, sucedendo ao romeno Marius Sumudica, tendo assinado um contrato por duas épocas e meia, anunciou hoje o emblema turco de futebol no seu site oficial.

Poucas semanas depois de ter sido afastado do Vasco da Gama, do Brasil, o técnico de 48 anos ruma ao futebol turco e vai dirigir o atual terceiro classificado do campeonato local, clube em que também vai reencontrar o português André Sousa, médio que trabalhou com Sá Pinto no Belenenses.

“Estou muito feliz e orgulhoso por poder comandar o Gaziantep. Vou fazer tudo para que o clube continue a crescer e que tenha sucesso, com espírito de ambição e com fome de vitórias”, escreveu Sá Pinto, na sua página oficial da rede social Twitter.

O treinador português, que já passou pelo futebol grego, belga, sérvio e polaco, vai ocupar o lugar deixado vago por Marius Sumudica, despedido depois da eliminação na Taça da Turquia.

Em Portugal, Sá Pinto treinou o Sporting, o Belenenses e o SD Braga.

O Gaziantep aparece com surpresa no terceiro posto do campeonato turco, a quatro pontos de Besiktas e Fenerbahçe, que partilham a liderança.

Continuar a ler

Populares