Seguir o O MINHO

Ave

Forças Armadas passam a usar novo camuflado ‘made in’ Famalicão

Exército. Força Aérea e Marinha passam a utilizar o mesmo camuflado

em

Foto: Forças Armadas portuguesas

As Forças Armadas portuguesas vão passar a utilizar um novo padrão de camuflado, artigo que foi desenvolvido pelo Centro Tecnológico das Indústrias Têxtil e do Vestuário (CITEVE), com sede em Famalicão, foi hoje anunciado. A decisão foi tomada em Conselho de Chefes de Estado-Maior e o camuflado passa a ser utilizado pelos três ramos militares: Exército, Marinha e Força Aérea.

Numa nota publicada nas redes sociais, as Forças Armadas informam que “este padrão está já a ser utilizado pelo Exército, prevendo-se que seja implementada a sua utilização pela Marinha e pela Força Aérea de forma gradual e faseada, tendo em consideração as especificidades de cada ramo”. Esta decisão vai permitir, assim, a criação de uma imagem comum aos três Ramos das Forças Armadas.

O CITEVE desenvolveu o projeto “Adaptative Camouflage for the Soldier II”, com o apoio do Exército, com vista a criar um equipamento que aumentasse o nível de camuflagem em combate, tendo recorrido a um conjunto de materiais inovadores.

“A adoção deste padrão de camuflado, pelas especificações técnicas rigorosas que cumpre, garante uma maior proteção pela diminuição da possibilidade de deteção”, salienta a entidade militar.

O novo padrão foi também “desenvolvido para melhor se adequar aos diferentes ambientes internacionais em que as Forças Armadas atualmente operam, como é o caso, por exemplo, do Mali, do Iraque e da República Centro-Africana”.

“Este projeto constituiu-se, desta forma, como mais uma forma de apoio das Forças Armadas ao desenvolvimento da Indústria Nacional, potenciando a investigação e, consequentemente, o fomento da economia”, refere a mesma nota.

Populares