Seguir o O MINHO

Braga

Filme “Variações” tem antestreia marcada para segunda-feira em Amares

Nas termas de Caldelas

em

Foto: O MINHO

A antestreia absoluta do filme sobre a vida de António Variações está marcada para segunda-feira em Amares, de onde o cantor era natural, disse esta quinta-feira  o vereador da Cultura daquele município.

Em declarações à Lusa, Isidro Araújo acrescentou que a antestreia de “Variações” terá como palco o Parque das Termas de Caldelas.

“O realizador, o ator principal, o assistente de produção e a distribuidora vão estar presentes”, acrescentou.

Disse ainda que a família do cantor também foi convidada.

A realização é de João Maia, cabendo a Sérgio Praia interpretar o papel de António Variações.

Filipe Duarte, Victoria Guerra, Augusto Madeira, Teresa Madruga, Afonso Lagarto, Diogo Branco, Nuno Casanovas e Fernando Pires são outros dos atores.

A produção está a cargo da David & Golias.

O filme estará nas salas de cinema a partir de 22 de agosto.

António Joaquim Rodrigues Ribeiro, que adotou o nome artístico de António Variações, nasceu em 1944 em Fiscal, Amares, tendo falecido em 1984.

Segundo a produtora, o filme foca, precisamente, “o processo de transformação na persona de António Variações, artista excêntrico e popular cuja carreira fulgurante foi interrompida pela sua morte”.

Com apenas 12 anos, António Variações foi viver para Lisboa, onde acabou por se “impor” como barbeiro e figura da movida da capital, mas sempre perseguindo o seu sonho de se tornar cantor e compositor, apesar de não saber uma nota de música.

Cansado de esperar por uma oportunidade da editora, começa, “às suas custas”, a tentar construir uma carreira no mundo da música.

Foram precisos cinco anos até se tornar famoso.

Em maio de 1983, era um dos mais populares artistas portugueses, com mais de 100 espetáculos marcados para o verão.

O seu primeiro disco, “Anjo da Guarda”, foi fenómeno de vendas e Variações faz o seu concerto mais “apetecido”, segundo a produtora, na Aula Magna, sendo a primeira parte de Amália Rodrigues, o seu maior ídolo.

Em 1984, Variações grava o seu segundo e último álbum, chamado “Dar e Receber”.

Morreria em junho desse mesmo ano, aos 39 anos.

O filme aborda ainda a vida amorosa de Variações, nomeadamente o seu relacionamento com o cabeleireiro de Lisboa Fernando Ataíde.

Anúncio

Braga

ASAE apreende vinho “Pêra Manca” falsificado à venda em Braga por 400 euros a garrafa

ASAE

em

Foto: DR

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) identificou uma pessoa por ter colocado à venda duas garrafas de vinho contrafeito a 400 euros cada.

Através da sua Unidade Nacional de Informações e Investigação Criminal (UNIIC), a ASAE realizou, em Braga, uma ação de fiscalização num estabelecimento de restauração e bebidas, no âmbito do combate à contrafação.

No decurso da investigação foi identificado um indivíduo que vendia garrafas de vinho falsificadas como sendo genuínas.

Como resultado da ação foi instaurado um processo-crime por fraude sobre mercadorias e venda de artigos contrafeitos, tendo sido apreendidas duas garrafas de vinho, ostentando a marca Pêra Manca.

Em comunicado, a ASAE explica que continuará a desenvolver esta atividade, na qualidade de órgão de polícia criminal, no que se refere à salvaguarda das regras do mercado e da livre concorrência, defendendo os direitos da propriedade industrial.

Em julho, a ASAE apreendeu oito garrafas de vinho tinto da marca “Barca Velha” também por suspeitas de falsificação, que estavam à venda na Internet e cujo valor poderia ser superior a 4.500 euros.

A investigação sobre mercadorias e contrafação na área dos vinhos durava há alguns meses e culminou com a apreensão de oito garrafas de vinho tinto “premium” com rótulo “Barca Velha”, supostamente das colheitas de 1978, 1982 e 2004 e que estavam à venda em sites e leilões.

Continuar a ler

Braga

INEM salva bebé encontrado a boiar em banheira na Póvoa de Lanhoso

Em Geraz do Minho

em

Foto: O MINHO (Arquivo)

A equipa do INEM de Braga, em conjunto com os Bombeiros da Póvoa de Lanhoso, salvaram esta sexta-feira à noite um bebé de onze meses, em Geraz do Minho, Póvoa de Lanhoso, depois deste ter-se quase afogado numa banheira na habitação onde reside com a família.

Segundo conta o Jornal de Notícias, a mãe encontrou o bebé a boiar na banheira depois de este ter ficado ao cuidado de um irmão mais velho enquanto tomava banho.

Rapidamente foram mobilizados para o local a equipa da Viatura Médica de Emergência e Reanimação do Hospital de Braga que procedeu às manobras de reanimação da criança, em conjunto com bombeiros da Póvoa de Lanhoso que também acudiram à ocorrência.

Os médicos e bombeiros conseguiram reverter a situação do bebé, sendo este rapidamente transportado para o Hospital de Braga, com escolta da GNR.

Dada a gravidade da situação, o bebé acabou transferido para o Hospital São João, no Porto, não correndo perigo de vida.

Notícia atualizada às 12h33

Continuar a ler

Braga

Famalicão, Vizela, Terras de Bouro, Barcelinhos e Fão ajudaram Vila Verde no combate às chamas

Incêndios

em

Foto: O MINHO

Um incêndio florestal que deflagrou ao início da madrugada deste sábado em Pedregais, Vila Verde, mobilizou 36 bombeiros de sete corporações do distrito de Braga, tendo sido dado como em estado de conclusão perto das 06:00 horas.

Foto: O MINHO

No local estiveram 10 bombeiros e três viaturas dos Bombeiros de Vila Verde apoiados por uma equipa de cinco bombeiros de Famalicão, cinco de Vizela, cinco de Terras de Bouro, cinco de Barcelinho, cinco de Fão e um bombeiro dos Famalicenses.

Foto: O MINHO

Este foi um de vários incêndios que lavraram durante a madrugada no distrito de Braga, encontrando-se, pelas 11:46 deste sábado, ainda dois incêndios ativos, um em Revelhe, Fafe e outro em Rio Douro, Cabeceiras de Basto, que estão a ser combatidos por perto de 100 operacionais no total.

Continuar a ler

EM FOCO

Anúncio

ÚLTIMAS

Vamos Ajudar?

Reportagens da Semana

Populares