Seguir o O MINHO

Futebol

“Fica a sensação de que podíamos ter conseguido outro resultado”

em

Declarações dos treinadores do Benfica e do Vitória SC, após o jogo da primeira jornada do grupo B da fase de grupos da Taça da Liga de futebol, hoje disputado em Lisboa e que terminou empatado 0-0:

Ivo Vieira (treinador do SC): “Hoje fica a sensação de que podíamos ter conseguido outro resultado. Tivemos muitas vezes o controlo do jogo, tivemos qualidade e podíamos ter conseguido esse feito. Aceitamos o resultado, o Benfica também nos criou dificuldades, mas, pelo que os jogadores fizeram e pela sua personalidade e caráter, é satisfatório o desempenho que conseguimos.

O que aconteceu não é obra do acaso. É resultado de muito trabalho, mérito dos atletas, e é fundamental que os jogadores sintam que são opção.

Perante o que os jogadores fizeram podíamos ter conseguido outro resultado, mas o Benfica também podia ter feito o golo. Trabalhamos sempre pelo resultado positivo e conseguirmos o melhor resultado possível.

Neste momento é um resultado positivo, mas não estamos em vantagem, pois ainda há outro jogo no grupo. Empatar em casa do Benfica é um resultado muito positivo.”

Vitória empata na Luz e mantém pretensões na Taça da Liga – resumo

Bruno Lage (treinador do Benfica): “O resultado é o que é e a justiça são os golos, que hoje nenhuma equipa conseguiu. Defrontámos uma excelente equipa, com excelentes valores individuais e muito bem orientada por um grande treinador.

O nosso ‘onze’ foi construído em função da estratégia do clube e fizemos uma exibição sólida, com bom posicionamento e a crescer no jogo, com várias oportunidades ao longo da partida. Fomos sólidos e consistentes.

Vamos competir de três em três dias e por isso precisamos de todos em condições e com confiança. Estou satisfeito com o rendimento e o mais importante de referir é que temos uma equipa competente e com grande futuro.

O Benfica é um projeto com que me identifico de corpo e alma, e dá-me enorme alegria estar no clube que me tem dado todas as condições e oportunidades, com um projeto que é a minha cara. É uma oportunidade fantástica receber jovens com esta qualidade. Temos presente e futuro.”

Anúncio

Futebol

FC Porto encaixa até 50 milhões com novo adiantamento de receitas televisivas

Podem entrar mais 20 em janeiro

em

Foto: Twitter / Arquivo

A SAD do FC Porto encaixou hoje 30 milhões de euros (ME) com uma nova emissão de obrigações pela Sagasta, envolvendo a cedência de receitas futuras de direitos televisivos, e podem entrar mais 20 ME em janeiro.

Em causa está a alteração aos termos e condições da operação de titularização de créditos denominada ‘Dragon Finance n.º 1’, que tem a Sagasta Finance – sociedade de titularização de créditos – como emitente, realizada em 24 de maio de 2018, e que teve como objeto a titularização dos créditos decorrentes do contrato de cessão de direitos de transmissão televisiva dos jogos no Estádio do Dragão, a contar para a primeira Liga, entre a SAD portista e a Altice, segundo o comunicado disponível na Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

A operação de maio do ano passado permitiu um encaixe de 100 milhões de euros aos cofres dos ‘azuis e brancos’ e a alteração hoje anunciada “teve por objetivo a prorrogação da maturidade média prevista aplicável às obrigações titularizadas emitidas em 24 de maio de 2018”, lê-se no documento.

Esta alteração implica a “correspondente emissão de obrigações de titularização adicionais pela Sagasta no montante de 30 milhões de euros adicionais na presente data e no montante máximo de 20 milhões de euros adicionais em janeiro de 2020, a título de acréscimo do preço de compra e venda dos créditos”, especificou a SAD do FC Porto.

Continuar a ler

Futebol

Euro2020: Selecionador alemão exclui Portugal da lista de favoritos

Joachim Low considera que a “sua” Alemanha também não é favorita

em

Foto: Divulgação

O selecionador alemão de futebol, Joachim Löw, excluiu hoje Portugal do lote de seleções favoritas a conquistar o Euro2020, considerando também que a sua mannschaft não está ao nível de Inglaterra, França, Espanha, Itália, Bélgica e Holanda.

“Equipas como Inglaterra, França, Espanha, Itália, Bélgica e Holanda estão acima de nós. Todos eles já fizeram uma mudança de gerações e, por isso, não nos vejo favoritos à conquista do Europeu”, disse o técnico germânico, na conferência de imprensa de antevisão ao último encontro da fase de apuramento, frente à Irlanda do Norte.

Com a presença no Europeu já garantida, Löw considerou que a campanha da Alemanha no Grupo C foi “soberba”, mas não deixou de lamentar as várias lesões que condicionaram os seus jogadores durante a qualificação.

“Quero dar os parabéns aos meus jogadores. Tivemos uma série de contratempos, porque mais de 10 jogadores se lesionaram. Apesar de tudo, classificámo-nos de forma soberana”, referiu o selecionador.

Para a fase final do Europeu de 2020 estão já qualificadas 17 seleções: Bélgica, Itália, Rússia, Polónia, Ucrânia, Espanha, Turquia, França, Inglaterra, República Checa, Finlândia, Suécia, Alemanha, Holanda, Croácia, Áustria e Portugal.

A fase final da competição realiza-se de 12 de junho a 12 de julho, em 12 cidades, de 12 países.

Continuar a ler

Futebol

João Carlos Pereira substitui vimaranense César Peixoto no comando da Académica

II Liga

em

Foto: DR

João Carlos Pereira é o substituto de César Peixoto no comando técnico da Académica, anunciou hoje o 15.º classificado da II Liga de futebol.

“A direção da Associação Académica de Coimbra/OAF vem por este meio informar os sócios, adeptos e demais interessados que chegou a acordo com João Carlos Pereira para assumir o cargo de treinador principal da equipa profissional da Académica”, lê-se numa nota do clube de Coimbra.

João Carlos Pereira, de 54 anos, recorda a Académica, “foi, durante os últimos seis anos, coordenador geral na Aspire Academy no Qatar, considerada por muitos uma das melhores do mundo, e que abrange várias áreas do desporto, sendo uma academia de excelência para o alto rendimento”.

O novo treinador vestiu a camisola da ‘Briosa’ enquanto atleta e treinou a equipa principal nas épocas de 2003/2004 e 2004/2005.

Como treinador, João Carlos Pereira passou ainda por clubes como Sporting de Pombal, Moreirense, Nacional, Estoril, Belenenses e Servette (Suíça).

César Peixoto demitiu-se na semana passada do comando técnico da Académica, deixando o clube com nove pontos, apenas dois acima dos lugares de descida e a 18 da liderança.

Continuar a ler

Populares