Seguir o O MINHO

Canoagem

Fernando Pimenta chega às 90 medalhas internacionais

Atleta de Ponte de Lima

em

Foto: Divulgação/FPC

Fernando Pimenta, canoísta natural de Ponte de Lima conquistou, este domingo, a sua segunda medalha de bronze no Mundial de Szeged, depois de ter terminado a prova de K1 5000 metros na 3.ª posição. De recordar que o atleta defendia, a exemplo do K1 1000 metros, o título de campeão do Mundo obtido, em 2018, no Campeonato do Mundo, realizado em Montemor-o-Velho.

“Consegui mais uma medalha, 90 internacionais e mais de 10 em Mundiais. Só posso sair contente daqui com a vaga olímpica. Há atletas que foram medalhas em Europeus, Mundiais e Jogos Olímpicos, que saíram daqui a chorar, porque não conseguiram vaga e eu estive nesses cinco primeiros”, regozijou-se, em declarações à Agência Lusa, Fernando Pimenta.

De Szeged, o atleta do Benfica saiu com duas medalhas de bronze nas provas de K1 1000 metros e de K1 5000 metros, duas distâncias nas quais defendia os títulos mundiais de 2018, e deu a Portugal os dois únicos pódios da competição.

Para Tóquio 2020, Pimenta promete “trabalhar o melhor possível, chegar lá e dar tudo para ser um dos atletas mais rápidos a cortar a meta”.

Populares