Seguir o O MINHO

Braga

Feira dos Vinte, na vila de Prado: Trocar e vender gado desde o século 14

Vila Verde

em

Foto: Divulgação

É já este sábado que arranca a Feira dos Vinte, em Prado, Vila Verde, com duração até dia 20, segunda-feira, dia de São Sebastião.

O destaque desta feira, cujas raízes remontam ao reinado de D. Dinis, no século XIV, assenta na troca e venda de gado cavalar e bovino.

Apresenta-se nos dias de hoje com um programa diversificado que inclui música, gastronomia, espetáculo equestre, concurso pecuário.

Uma diversidade que se estende também ao comércio, com máquinas agrícolas, artigos para o lar, vestuário, calçado, coudelaria, hortícolas, doçaria e diversões para todos os gostos, entre muitos outros.

Este ano, para dar início às festividades, a 18 de janeiro é assinalado o dia das Associações da Freguesia, com animação musical, ‘comes e bebes’ e convívio, na tenda gigante colocada no Largo de S. Sebastião.

Paralelamente, a Confraria Gastronómica das Provas da Feira dos Vinte promove o seu ‘II Capítulo Solene e de Entronização’ de novos confrades.

No domingo, 19 de janeiro, a animação começa pelas 15:00, com o Festival de Folclore, seguido do espetáculo equestre às 17:00.

Às 20:30, tem lugar o Encontro de Reis e a festa continua pela noite dentro com after party a cargo do animador Tosttas.

Nesta noite, decorrem ainda as habituais provas nas tasquinhas e restaurantes locais.

As Papas à Moda dos Vinte estarão disponíveis durante todo o mês de janeiro na Vila de Prado, nos restaurantes aderentes.

O programa para o dia principal, 20 de janeiro, é a feira de gado e o concurso pecuário, com o largo da vila a receber produtores que fazem trocas ou vendas de gado. Durante a manhã, terá ainda lugar a missa e bênção do gado. Há batismo de cavalo e passeios em charrete.

Em Dia de S. Sebastião, várias pessoas aproveitam também para rumar à capela localizada nas imediações do recinto.

Anúncio

Braga

Já pode descobrir os jardins históricos de Braga sem sair de casa

em

“À Descoberta de Braga” é uma iniciativa online sobre os jardins históricos da cidade de Braga, direcionada a todos os que estão em casa.

Este roteiro mostra alguns dos espaços mais emblemáticos da vertente cultural, ambiental e histórica dos jardins da cidade.

Para utilizar, pode aceder ao site da iniciativa através do telemóvel, tablet ou computador.

Continuar a ler

Braga

Covid-19: Morreu segunda utente do Asilo S. José, em Braga

Covid-19

em

Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO

O Asilo de São José, sediado em Braga, registou a segunda morte por entre os utentes, vítima do novo coronavírus, que provoca a doença Covid-19, confirmou O MINHO junto de fonte daquele lar.

Ao que apurámos, a vítima tem cerca de 90 anos e estava internada no Hospital de Braga com problemas respiratórios, depois de ter acusado positivo nos testes de despistagem realizados naquela unidade hospitalar.

Esta é a segunda vítima daquele lar depois de na passada quinta-feira uma mulher de 76 anos ter perdido a vida pelo mesmo motivo.

Os cerca de 100 utentes daquela casa foram sujeitos a testes de despistagem, com três a acusarem positivo e os restantes a aguardar resultado.

Continuar a ler

Braga

Covid-19 faz primeira vítima mortal em Vila Verde

Covid-19

em

Foto: DR / Arquivo

A pandemia de Covid-19 fez este sábado de manhã a primeira vítima mortal no concelho de Vila Verde.

Uma mulher de 89 anos, residente da freguesia de Arcozelo, não resistiu às complicações respiratórias provocadas pela infeção do novo coronavírus e morreu durante esta manhã no Hospital de Braga, onde estava internada há alguns dias na área de infecciologia dedicada aos infetados.

Segundo fonte próxima da família, apuramos que não irá haver funeral, com o corpo da idosa a ser transportado para o Tanatório de Braga, onde será cremado.

As cerimónias fúnebres não se realizarão durante esta fase de pandemia, ficando adiadas para “outra altura”, disse a mesma fonte.

Este óbito ainda não consta nos 100 anunciados esta manhã pelo boletim da Direção-Geral de Saúde, que reporta os óbitos ocorridos até às 00:00 horas deste sábado.

Segundo o mesmo boletim, existem 10 casos confirmados por infeção no concelho de Vila Verde e 351 em todo o Minho.

 

Continuar a ler

Populares