Seguir o O MINHO

Barcelos

Feira de Barcelos reabriu hoje parcialmente. “Nunca mais vai ser como dantes”

Covid-19

em

Foto: Pedro Luís Silva / O MINHO

A feira de Barcelos reabriu hoje apenas para o setor alimentar e com muitas regras de segurança e higiene para conter a propagação da pandemia de covid-19.

O recinto, de 14 mil metros quadrados, apenas uma parte da totalidade do Campo da República, que é ocupado por completo em dias de feira “normal”, está vedado.

As entradas e saídas são controladas por funcionários da Câmara Municipal e PSP de Barcelos.

Uma das entradas da feira de Barcelos. Pedro Luís Silva / O MINHO

À entrada são oferecidas máscaras, há desinfetante para as mãos e os serviços de Fiscalização municipal entregam um folheto com as regras a serem cumpridas: usar máscara e manter uma distância social de dois metros.

Normas que O MINHO verificou no local estarem a ser cumpridas. Toda a gente usava máscara, tanto clientes como feirantes – e alguns comerciantes também tinham viseiras. É a nova normalidade.

Uso de máscara foi cumprido. Pedro Luís Silva / O MINHO

E as bancas dos 250 feirantes – 170 comerciantes e 80 produtores agrícolas, segundo o presidente da Câmara – estavam distantes entre si.

Às primeiras horas da manhã, movimento na feira era algum – obviamente, muito distante do que seria em condições normais – e tudo parecia funcionar bem.

Não havia filas para entrar, as pessoas tinham espaço para circular livremente e em segurança.

“Se isto não abrisse, não sei como ia ser”

Entre os feirantes e cliente trocavam-se impressões sobre o vírus. Há quem ache que “o pior já passou” e quem riposta que ainda está para chegar agora com o desconfinamento.

É uma altura excecional e toda a gente está a aprender a lidar com ela. E andar sempre de máscara é uma dessas aprendizagens.

Setor alimentar é o único a funcionar. Pedro Luís Silva / O MINHO

“O mal é uma pessoa falar”, afirma a O MINHO uma comerciante que preferiu não se identificar.

Uma cliente, que preferiu não dar o nome, mantém-se cética quanto ao uso da máscara no mercado, uma vez que o espaço é ao ar livre: “Aqui dentro [da feira] temos que usar e lá fora não”.

“É também para proteger os produtos”, alerta, de imediato, uma feirante.

O regresso da feira semanal de Barcelos, das maiores do país, agradou aos comerciantes. “Estávamos a sentir falta, mas isto nunca mais vai ser como dantes. Toda a gente tem receio, as pessoas vão às grandes superfícies”, nota um comerciante com quem O MINHO falou.

A reabertura da feira apenas foi anunciada na terça-feira e há a expectativa nos feirantes de na próxima semana já haver mais compradores.

Ana Ribeiro, produtora agrícola local, considera que “é bom” o regresso do mercado semanal, “porque a gente estava desanimada”.

Ana Ribeiro, produtora local, satisfeita com a reabertura da feira. Pedro Luís Silva / O MINHO

“Se isto não abrisse, não sei como ia ser, porque isto estava a ficar muito mau”, realça a feirante, traçando uma avaliação positiva deste primeiro dia de feira condicionada.

“Está bom, tudo muito controlado. O espaço está muito bem organizado, agora esperamos que corra tudo bem”, afirma Ana Ribeiro, por debaixo da máscara que “é um castigo”. “Deus queira que isto passe depressa, porque a máscara incomoda muito, a gente não pode falar”, reforça.

Feira esteve dois meses suspensa

A última feira de Barcelos havia sido a 12 de março. Esteve praticamente dois meses suspensa. A nível local, o PCP e e PSD reclamavam a sua reabertura, apenas com produtos alimentares, como forma de apoio aos comerciantes e produtores locais.

Foram mantidas as distâncias de segurança. Pedro Luís Silva / O MINHO

Após o anúncio da retoma da feira, o PSD local reagiu, lamentando “a longa demora na reabertura da feira de produtos alimentares e o elevado prejuízo causado aos produtores agrícolas e comerciantes, bem como aos consumidores, pelo seu encerramento durante quase dois meses, enquanto outros municípios mantiveram as suas feiras em funcionamento”, numa referência a Famalicão.

A reabertura da feira só para o setor alimentar foi anunciada pelo presidente da Câmara, Miguel Costa Gomes, sublinhando que este primeiro dia seria uma “experiência para ver como corre” e que os problemas que surgissem seriam posteriormente retificados.

Feira reabriu com 250 feirantes do setor alimentar. Pedro Luís Silva / O MINHO

Barcelos tem 226 casos confirmados de covid-19, segundo o último boletim diário da Direção-Geral da Saúde (DGS) sobre a pandemia.

Portugal contabiliza 1.089 mortos associados à covid-19 em 26.182 casos confirmados de infeção.

O país entrou domingo em situação de calamidade, depois de três períodos consecutivos em estado de emergência desde 19 de março.
Esta nova fase de combate à covid-19 prevê o confinamento obrigatório para pessoas doentes e em vigilância ativa, o dever geral de recolhimento domiciliário e o uso obrigatório de máscaras ou viseiras em transportes públicos, serviços de atendimento ao público, escolas e estabelecimentos comerciais.

Anúncio

Barcelos

Incêndio em poste de eletricidade provoca falhas de luz em Barcelos

Trovoada

em

Foto: Posto Avançado de Fragoso - Bombeiros de Barcelos / Facebook

A trovoada na madrugada desta segunda-feira provocou um incêndio num poste de eletricidade, em Fragoso, Barcelos.

O incêndio, na Rua de S. Pedro, provocou falhas na rede elétrica e de fibra em muitas casas daquela freguesia.

Os Bombeiros de Barcelos, através do Posto Avançado de Fragoso, acorreram ao local com cinco operacionais e uma viatura.

“Foi comunicado à EDP que prontamente enviou uma equipa para realizar todos os procedimentos de segurança, de modo a podermos extinguir o incêndio”, referem os bombeiros na sua página de Facebook.

Continuar a ler

Barcelos

Jipe transporta Nossa Senhora por freguesias de Barcelos

Mês de Maria

em

Foto: Vitor Vasconcelos / O MINHO

A imagem de Nossa Senhora de Fátima percorreu, esta noite de sábado, ruas de freguesias de Barcelos, numa manifestação de fé promovida por populares.

Vídeo: Vítor Vasconcelos / O MINHO

Da mesma organização que levou a cruz pascal pelas freguesias de Lijó, Galegos Santa Maria e Galegos São Martinho, as viaturas voltaram a percorrer as ruas daquelas três freguesias em jeito de encerramento do Mês de Maria, celebrado ao longo do mês de maio.

Foto: Vítor Vasconcelos / O MINHO

Foto: Vítor Vasconcelos / O MINHO

Foto: Vítor Vasconcelos / O MINHO

Foto: Vítor Vasconcelos / O MINHO

Recorde-se que este sábado foram celebradas as primeiras missas com a presença de fiéis, após mais de dois meses do encerramento das igrejas, face à pandemia de covid-19.

Continuar a ler

Barcelos

Homem de 53 anos detido por tráfico de droga em Barcelos

PSP

em

Foto: DR

Um homem de 53 anos foi detido por tráfico de droga, na quinta-feira, em Barcelos.

A detenção ocorreu pelas 22:30 na Rua de Santo António, no centro da cidade, quando os agentes “se
encontravam em missão de serviço de prevenção à criminalidade”, refere a PSP.

O suspeito tinha em sua posse cocaína suficiente para 25 doses e heroína suficiente para 3 doses, que lhe foram apreendidas.

O detido foi informado que irá ser notificado para comparecer no Tribunal Judicial de Famalicão.

Continuar a ler

Populares