Seguir o O MINHO

Desporto

Federação cancela campeonatos seniores não profissionais

Covid-19

em

Foto: DR

Os campeonatos seniores não profissionais de futebol e futsal da época 2019/20 foram hoje cancelados pela Federação Portuguesa de Futebol (FPF), devido à pandemia de covid-19.


“A FPF entende que continuam a não estar reunidas as condições de saúde pública para que clubes com estruturas amadoras, como é próprio das provas em que participam, possam treinar e competir em segurança”, lê-se no comunicado do organismo, que anunciou “dar por concluídas, sem vencedores, todas as suas competições seniores que se encontram nesta data suspensas, não sendo atribuídos títulos nem aplicado o regime de subidas e descidas”.

Este cancelamento ocorre depois de os campeonatos de futebol e futsal dos escalões de formação terem tido o mesmo desfecho, numa decisão tomada em 27 de março último.

A FPF recorda que “vigora em Portugal o estado de emergência, pelo menos, até ao dia 17 de abril, sendo possível a sua prorrogação” e que “estas circunstâncias impedem o normal decurso das competições, sendo imprevisível antever quando e se tais condições de saúde pública estarão reunidas ainda durante esta época desportiva”.

“A FPF analisará e comunicará com a maior brevidade possível de que forma serão indicados os dois clubes que acedem à II Liga de futebol, bem como os representantes de Portugal na Liga dos Campeões de futebol feminino e de futsal masculino. A FPF continuará a estudar com as associações distritais e regionais os moldes em que decorrerão as competições nacionais não profissionais na época 2020/21”, remata o comunicado.

Após 20 jornadas, o Sporting liderava a Liga de futsal, com 55 pontos, mais dois do que o Benfica, enquanto Vizela, Arouca, Praiense e Olhanense lideravam as respetivas séries do Campeonato de Portugal, terceiro escalão, após 25 rondas.

No setor feminino, o Benfica e Sporting seguiam igualados com 42 pontos no primeiro lugar do campeonato de futebol, após 15 jornadas, enquanto as ‘águias’ lideravam isoladas a fase de apuramento de campeão em futsal.

As competições nacionais dos escalões de formação tinham sido suspensas por duas semanas, em 10 de março, dois dias antes de a FPF ter decidido suspender todas as competições, incluindo as seniores, que hoje foram canceladas.

As competições profissionais, I Liga e II Liga, continuam suspensas, após 24 das 34 jornadas, bem como a Taça de Portugal, que tem Benfica e FC Porto como finalistas.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia de covid-19, já infetou mais de 1,4 milhões de pessoas em todo o mundo, das quais morreram mais de 82 mil. Dos casos de infeção, cerca de 260 mil são considerados curados.

Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia.

Em Portugal, segundo o balanço feito hoje pela Direção-Geral da Saúde (DGS), registaram-se 380 mortes e 13.141 casos de infeções confirmadas, dos quais 196 já recuperaram.

Anúncio

Futebol

Baraye regressa ao Gil Vicente por empréstimo do Parma

Mercado de transferências

em

Foto: DR

O extremo Yves Baraye vai jogar no Gil Vicente, da I Liga portuguesa de futebol, até ao final da época 2020/21, novamente por empréstimo dos italianos do Parma, tal como na época passada, anunciou hoje o clube minhoto.

“Benvindo de volta à fortaleza gilista, Baraye”, lê-se na página oficial do Gil Vicente na rede social Facebook, que informa ainda que o acordo tem validade por um ano.

O extremo senegalês, de 28 anos, apontou três golos em 28 partidas oficiais durante a temporada 2018/19, que valeu um 10.º lugar no campeonato aos barcelenses.

Formado nos franceses do Marselha e nos italianos da Udinese, Baraye realizou toda a carreira como profissional no país transalpino antes de rumar ao Gil Vicente, tendo representado Lumezzane, Juve Stabia, Torres Cálcio, Parma, equipa em que se destacou 21 golos em 33 jogos na época 2015/16, na Série D (quarto escalão), e no Pádua.

O extremo é o 15.º reforço dos ‘galos’ para a temporada 2020/21, depois do guarda-redes Daniel Fuzato, dos defesas Joel Pereira, Souleymane Aw, Diogo Silva, Talocha e Tim Hall, dos médios Kanya Fujimoto, Leandrinho, Guilherme Mantuan e Lucas Mineiro e dos avançados Antoine Léautey, Boubacar Hanne, Miullen e Renan Oliveira.

Continuar a ler

Futebol

Vitória assegura jovem médio do Sporting

Mercado de transferências

em

Foto: Divulgação / Vitória SC

O médio Miguel Luís transferiu-se hoje do Sporting, emblema da I Liga portuguesa de futebol que representava há 11 anos, para o Vitória SC, clube que anunciou a sua contratação três épocas, com mais duas de opção.

O clube de Guimarães informou ainda, na nota publicada no sítio oficial, que passou a deter 50% dos direitos económicos do internacional português sub-21, após uma transferência que “não envolveu custos”.

O futebolista, de 21 anos, vai prosseguir a carreira em Guimarães, depois de ter cumprido quase toda a formação pelo clube de Alvalade, de ter subido à equipa B ‘leonina’ na época 2017/18, tendo realizado 15 jogos na II Liga, e de ter competido pela formação principal ‘verde e branca’ nas duas últimas temporadas.

Miguel Luís apontou dois golos em 14 jogos oficiais pela equipa principal do Sporting durante a época 2018/19, tendo participado nas conquistas da Taça de Portugal e da Taça da Liga, e perdeu espaço no plantel em 2019/20, ao contabilizar apenas sete partidas, todas realizadas entre setembro e dezembro de 2019.

Natural de Coimbra, o médio tem sido presença regular nas seleções jovens portuguesas e sagrou-se campeão europeu sub-17, em 2016, numa prova decorrida no Azerbaijão, e de sub-19, em 2018, na Finlândia.

O jogador é o 17.º reforço do Vitória SC, atual oitavo classificado da I Liga, com quatro pontos ao cabo de três jogos, no mercado de transferências em curso, que encerra hoje.

Continuar a ler

Futebol

Ola John deixa Vitória

Mercado de transferências

em

Foto: DR

O extremo holandês Ola John deixou o Vitória SC e regressou aos Países Baixos, para representar o RKC Waalwijk por uma temporada, anunciou hoje o clube do principal campeonato holandês, no seu sítio oficial.

O diretor-geral do 18.º e último classificado da Liga holandesa, sem qualquer ponto em três jogos, realçou, na nota publicada, que o agora ex-vimaranense tem “qualidades que estão para além de qualquer dúvida”.

“Estamos muito satisfeitos por termos contratado Ola John. Foi uma oportunidade que surgiu. Esperemos que ele traga valor ao RKC”, disse Frank van Mosselveld aos meios do clube dos Países Baixos.

Após duas temporadas no Minho, com um golo marcado em 45 jogos oficiais – 28 em 2018/19 e 17 em 2019/20 -, o atacante, de 28 anos, ficou fora do plantel vitoriano para a época em curso e regressou ao país natal, onde competiu pela última vez na época 2011/12, pelo Twente, tendo marcado nove golos em 50 jogos.

Ola John transferiu-se na época seguinte para o Benfica, equipa que representou com frequência nas épocas 2012/13 (42 jogos oficiais e quatro golos) e 2014/15 (quatro golos em 36 jogos).

O internacional pela seleção holandesa jogou ainda nos alemães do Hamburgo (2013/14), nos ingleses do Reading (2015/16) e do Wolverhampton (2016/17) e nos espanhóis do Deportivo da Corunha (2016/17), sempre por empréstimo das ‘águias’.

Continuar a ler

Populares