Seguir o O MINHO

Futebol

FC Porto afastado da Liga dos Campeões em noite de pesadelo

3.ª pré-eliminatória

em

Foto: Twitter

O FC Porto foi hoje eliminado da Liga dos Campeões de futebol, depois de perder, por 3-2, frente aos russos do Krasnodar, no jogo da segunda mão da terceira pré-eliminatória da competição.

Os ‘dragões’ viram a vantagem de 1-0, trazida do primeiro jogo da eliminatória, ‘esfumar-se’ ainda na primeira parte, deste encontro, quando o adversário fez três golos, por Tony Vilhena (03) e Suleymanov (13 e 33).

Os ‘azuis e brancos’ ainda relançaram o desafio no segundo tempo, reduzindo com os tentos de Zé Luís (57) e Luis Díaz (77), mas não evitaram o desaire que os deixam de fora da ‘liga milionária’ depois de oito participações consecutivas, sendo agora relegados para disputar a fase de grupos da Liga Europa.

Depois do desaire em Barcelos, com a derrota com o Gil Vicente 2-1, na primeira ronda do campeonato português, o técnico Sérgio Conceição decidiu promover cinco mudanças no ‘onze’, tirando Manafá, Bruno Costa, Soares, Otávio e Zé Luís e apostando em Saravia, Danilo, Marega, Nakajima e Luis Díaz.

A mexida não terá promovido grande efeito, porque logo aos três minutos se começou a desenhar a noite de pesadelo para os ‘dragões’, com os russos a surpreenderem com o golo madrugador de Tony Vilhena, na sequência de um canto, aproveitando a passividade da defesa ‘azul e branca’.

O tento do Krasnodar abalou com o FC Porto, que não conseguia acertar com o posicionamento da equipa, nem responder ofensivamente, sofrendo um segundo golpe, ainda antes do quarto de hora, num contra-ataque conduzido por Suleymanov, que o próprio finalizou no 2-0, ‘gelando’ o público do Dragão.

Percebendo que o resultado os deixava de fora da eliminatória, os ‘azuis e brancos’ tiveram de reagir, e até foram bem rematadores, com Nakajima, Marega e Luiz Díaz a tentarem a meia distância para surpreender os russos, mas, quase sempre, em remates com pouca pontaria ou sem dificuldades para o guardião contrário.

Ainda assim, a insistência e maior balanceamento ofensivo da equipa portuguesa criava desequilíbrios táticos, sobretudo quando o Krasnodar explorava os rápidos contra-ataques, que se revelaram ‘fatais’, aos 34 minutos, num ‘bis’ de Suleymanov, com mais um remate indefensável para o guarda-redes do FC Porto.

O descalabro levava alguns adeptos a abandonar prematuramente o estádio, que registava lotação esgotada, mas também o técnico Sérgio Conceição promover uma alteração na equipa, lançando o avançado Zé Luís para o lugar do defesa Saravia.

A mexida só começou a fazer efeitos já depois dos assobios com que a equipa recolheu ao intervalo, com o avançado cabo-verdiano, aos 57 minutos, a relançar a esperança, reduzindo para 3-1, num belo cabeceamento, após assistência de Alex Telles.

O golo teve efeitos imediatos no estado anímico dos ‘dragões’, com Marega, logo depois, num forte remate a obrigar o guarda-redes do Krasnodar a grande defesa, potenciado a reação da formação portuguesa.

O ascendente foi corporizado aos 76 minutos, com um grande golo Luís Diaz, num remate de longe, que fixou o 3-2 e deixou os portistas a um golo de recolocar a eliminatória a seu favor.

A partir daí foi um duelo de nervos, os ‘dragões’ insistiram de todas as formas, e mesmo correndo riscos defensivos, instalaram-se no meio campo contrário, mas não conseguiram encontrar uma brecha que lhes permitisse inverter o desaire.

Anúncio

Futebol

Benfica segura liderança da I Liga com goleada no terreno do Boavista

À 13.ª jornada

em

Foto: Twitter

O Benfica venceu hoje no terreno do Boavista, por 4-1, em jogo da 13.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, e aumentou provisoriamente para cinco pontos a vantagem sobre o FC Porto, segundo classificado.

No Estádio do Bessa, no Porto, Carlos Vinicius deu vantagem aos ‘encarnados’, aos 34 minutos, o sérvio Stojiljkovic empatou para os ‘axadrezados’, aos 44, o argentino Franco Cervi voltou a adiantar os campeões nacionais, aos 52, a passe do avançado brasileiro, que chegaria aos 10 golos na competição, aos 62. O médio Gabriel fixou a goleada, aos 90+2.

Com este triunfo, o 10.º seguido, o Benfica segurou o primeiro lugar, com 36 pontos, mais cinco do que o FC Porto, que visita o Belenenses, no domingo, enquanto o Boavista permanece no quinto posto, com os mesmos 18 pontos do Sporting de Braga, que visita o Desportivo das Aves, no sábado.

Continuar a ler

Futebol

Nuno Manta Santos acredita que pode causar desconforto ao SC Braga

Antevisão da 13.ª jornada

em

Foto: Twitter

O treinador Nuno Manta Santos desejou, esta sexta-feira, que o lanterna-vermelha Desportivo das Aves mostre atrevimento na receção ao Sporting Clube (SC) de Braga, no sábado, em jogo da 13.ª jornada da I Liga de futebol.

“O Braga tem muitas soluções ofensivas, ataca bem a profundidade e é a equipa com mais cruzamentos efetuados no campeonato. Com a nossa humildade e agressividade ofensiva vamos tentar evitar que esteja confortável. Podemos não atacar muitas vezes, mas temos de visar a baliza contrária no momento certo”, observou o técnico, em conferência de imprensa.

Com onze derrotas em doze rondas, que perfazem o pior arranque na I Liga desde 1990/91, o clube do concelho de Santo Tirso vai enfrentar um conjunto minhoto em retoma na prova, panorama que leva Nuno Manta Santos a antecipar ainda mais dificuldades.

“Gostava de apanhar o Braga depois de uma competição europeia. Nesses ciclos há sobrecarga de jogos e os jogadores têm dificuldades em estarem mentalmente disponíveis para um novo desafio. Mas com este intervalo desde o último jogo [na segunda-feira, em que venceu o Rio Ave por 2-1] dá para recuperar muito melhor”, observou.

Para contrariar o “favoritismo” arsenalista, o treinador recomendou que os avenses acreditem “no processo desenvolvido dia após dia” e eliminem “alguns erros individuais e coletivos” cometidos no desaire em Moreira de Cónegos, na jornada anterior (3-2).

“Há que dar mérito ao adversário pela forma como provoca o nosso erro, mas temos de estar muito mais vivos. O objetivo é defender cada vez melhor e construir situações de finalização, porque a aleatoriedade do jogo pode dar origem a um golo”, vaticinou.

Apesar da desvantagem de oito pontos para a ‘linha de água’, após o primeiro terço do campeonato, Nuno Manta Santos acredita que o Desportivo das Aves “tem muito mais a ganhar do que a perder neste momento”, direcionando a “crença” do grupo para a conquista de metade dos 66 pontos ainda em disputa.

Nas cinco receções aos bracarenses para o campeonato, os avenses venceram os dois duelos inaugurais e perderam os últimos três, sem terem concretizado qualquer golo.

O Desportivo das Aves, 18.º e último colocado, com três pontos, recebe o Sporting de Braga, na sexta posição, com 18, no sábado, em jogo com início às 20:30.

Continuar a ler

Futebol

Jovane Cabral (Sporting) recuperado para encontro frente ao Moreirense

Futebolista tinha sido detido por conduzir sem habilitação

em

Foto: Divulgação / SCP

O avançado Jovane Cabral integrou esta sexta-feira, sem limitações, a parte inicial do treino do Sporting, que está a preparar o jogo com o Moreirense, da 13.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol.

Após ter participado na fase inicial da sessão, Jovane Cabral realizou trabalho específico com um dos fisioterapeutas do Sporting, de acordo com a informação divulgada no sítio oficial do clube lisboeta na Internet.

O Sporting, quarto classificado no campeonato, com 20 pontos, recebe no domingo o Moreirense, 11.º posicionado, com 14, em jogo da 13.ª ronda da prova, com início às 17:30, no estádio José Alvalade, em Lisboa.

Continuar a ler

Populares