Seguir o O MINHO

Guimarães

Faturação da Garcia Garcia sobe 21% em 2017 para 53 milhões

em

Foto: Divulgação

A faturação da Garcia Garcia subiu 21% em 2017, em comparação com o ano anterior, para 53 milhões de euros, conforme indicou esta sexta-feira a empresa de construção civil.

“Nos últimos anos, a empresa tem investido na diversificação do seu negócio. Reflexo desta estratégia foi a aposta em projetos do tipo logístico e residencial, com reforço do peso destes na carteira de negócio da empresa”, disse, em comunicado, a Garcia Garcia.

Por setor, no período em causa, os projetos industriais representaram 56% do volume de negócios da empresa, seguidos pelos logísticos (37%) e pelos residenciais (7%).

“Estamos a construir o edifício industrial Steep Plastique, fornecedor da indústria automóvel, em Viana do Castelo. Em função do trabalho aqui desenvolvido, a empresa lançou-nos o desafio de replicarmos a parceria em Marrocos, desenhando e construído uma nova fábrica neste país”, adiantou o administrador da empresa de construção civil, Miguel Garcia.

O responsável revelou ainda que, em consequência deste investimento, a construtora abriu uma filial em Casablanca, Marrocos.

Para além disto, a Garcia Garcia está a investir na ampliação do parque empresarial da Ermida, distrito do Porto, do qual é proprietária. A intervenção prevê que a área do parque passe de 22 hectares para 50 hectares.

A empresa de Guimarães garante ainda que 2018 arrancou de “forma positiva”, em função da carteira de obras em curso, antecipando, por isso, “mais um ano de crescimento”.

EM FOCO

Populares