Seguir o O MINHO

Ave

Famalicão tem mais de 1.000 vagas para o ensino superior

Educação

em

As instituições de ensino superior e de especialização tecnológica de Famalicão disponibilizam, no ano letivo 2022-2023, mais de mil vagas distribuídas por 15 licenciaturas, 31 Cursos Técnicos Superiores Profissionais (CTeSP) e dois Cursos de Especialização Tecnológica (CET), com início no mês de setembro, em regime laboral e pós-laboral, anunciou a autarquia. As candidaturas já estão abertas.

Em nota de imprensa, a Câmara de Famalicão revela que todo este volume de formação disponibilizado em território famalicense será ministrado pela CESPU – Cooperativa de Ensino Superior Politécnico e Universitário, pela Universidade Lusíada de Vila Nova de Famalicão, e pelos polos de Famalicão do Instituto Politécnico do Cávado e Ave (IPCA), do Instituto Politécnico de Bragança (IPB) e do Cenfim – Centro de Formação Profissional de Indústria Metalúrgica e Metalomecânica.

Refira-se que, em Famalicão, no ano letivo de 2021-2022, frequentaram o ensino pós-secundário e superior cerca de 2.633 alunos.

“Há cada vez mais e melhor oferta formativa no nosso território” destaca o presidente da Câmara, Mário Passos, citado na mesma nota: “Somos um concelho com um bom conjunto de instituições de ensino pós-secundário e superior, o que nos valoriza enquanto cidade educadora, e enquanto território qualificado e empreendedor”.

As candidaturas podem ser efetuadas online através dos sites das próprias entidades formadoras ou então presencialmente nas secretarias destas instituições. O prazo para a apresentação de candidaturas já iniciou e decorre até dia 11 de agosto, na CESPU; até 22 de agosto, no IPCA; até 26 de agosto, no IPB; até 5 de setembro, na Universidade Lusíada de Famalicão; e até ao final de setembro, no CENFIM.

As informações específicas sobre os procedimentos de candidatura estão disponíveis para consulta nos sites das instituições, ou através do booklet do ensino pós-secundário e superior, disponível aqui .

Populares