Seguir o O MINHO

Ave

Famalicão restaura apeadeiros devolutos para servirem como bar de apoio à ciclovia

Estão ainda a ser criados pontos de descanso

em

Foto: Fernando André Silva / O MINHO

A Câmara de Famalicão está a restaurar os edifícios dos apeadeiros ferroviários do antigo ramal que seguia até à Póvoa de Varzim, e que agora é uma via pedonal e ciclável, após intervenção de ambos os municípios.

No total, e em Famalicão, são três os apeadeiros que o projeto da ecovia, inaugurada em julho de 2021, pretende ver restaurados e aplicados como local de apoio aos utentes, e um deles – o de Outiz – já começou a ser requalificado.

Apeadeiro de Outiz. Foto: Fernando André Silva / O MINHO

Apeadeiro de Outiz. Foto: Fernando André Silva / O MINHO

Apeadeiro de Outiz. Foto: Fernando André Silva / O MINHO

Apeadeiro de Outiz. Foto: Fernando André Silva / O MINHO

Apeadeiro de Outiz. Foto: Fernando André Silva / O MINHO

Em declarações a O MINHO, fonte da autarquia explicou que, para além desses três bares, vão existir outros locais de descanso para os utilizadores, com mobiliário urbano disponível.

Ao que tudo indica, a próxima intervenção será no edifício de Gondifelos, que ainda se encontra em estado muito degradado.

Apeadeiro de Gondifelos. Foto: Fernando André Silva / O MINHO

Apeadeiro de Gondifelos. Foto: Fernando André Silva / O MINHO

Apeadeiro de Gondifelos. Foto: Fernando André Silva / O MINHO

Apeadeiro de Gondifelos. Foto: Fernando André Silva / O MINHO

Apeadeiro de Gondifelos. Foto: Fernando André Silva / O MINHO

O terceiro espaço que a autarquia pretende ver intervencionado é o edifício localizado em Barradas, na freguesia do Louro.

Apeadeiro no Louro. Foto: Fernando André Silva / O MINHO

A obra da via ciclável e pedonal Famalicão-Póvoa de Varzim teve um custo total de 4.333.644,27 euros e beneficiou de um cofinanciamento FEDER no âmbito do Programa Operacional Norte 2020 no valor de 3.683.598,63 euros.

Paulo Cunha, antigo presidente da Câmara, assinalou a inauguração da nova via com uma corrida. Foto: CM Famalicão / Divulgação

Com uma extensão de perto de 27 quilómetros (onze deles no concelho famalicense), atravessa as freguesias de Famalicão, Brufe, Louro, Outiz, Cavalões e Gondifelos, seguindo depois no concelho da Póvoa de Varzim até à margem litoral.

O antigo trajeto dos comboios, que encerrou em 1995, deu lugar às pessoas que a pé ou de bicicleta podem desfrutar de um percurso com rio, árvores, campos, passadiços, hortas e animais.

Tem iluminação pública LED em toda a sua extensão e está pavimentada com asfalto e pintura a distinguir os espaços para peões e bicicletas.

Abrange diretamente cerca de 80 mil habitantes e reabilitou cerca de 170 metros quadrados de espaços verdes.

Foto: CM Famalicão / Divulgação

Foto: CM Famalicão / Divulgação

Foto: CM Famalicão / Divulgação

Foto: CM Famalicão / Divulgação

Foto: CM Famalicão / Divulgação

Foram plantadas 281 novas árvores e criados sete lugares de estacionamento para deficientes.

A nível ambiental, é esperada a redução de emissões de CO2 em 13.555 toneladas até 2023.

Populares