Seguir o O MINHO

Futebol

Famalicão quer terminar I Liga com vitória frente ao Braga

I Liga

em

Foto: arquivo / DR

O treinador do Famalicão revelou hoje a vontade de terminar a I Liga de futebol com uma vitória, frente ao SC Braga, lembrando a “obsessão pela conquista dos três pontos” que existe no clube.

Rui Pedro Silva reconheceu a dificuldade que os famalicenses vão enfrentar na 34.ª e derradeira ronda do campeonato, tendo em conta a qualidade que aponta ao adversário, ainda assim acreditando que é possível o triunfo sobre os ‘arsenalistas’.

“Como objetivo, mantemos aquilo que tem vindo a ser o nosso lema ao longo da época, que é ir para todos jogos com o objetivo de ganhar. Amanhã [domingo], como nos outros jogos, vamos ter um plano de jogo em que tentaremos eliminar os pontos fortes do Braga, e que são bastantes”, começou por dizer o treinador, em conferência de imprensa de antevisão da partida.

O técnico da equipa famalicense reconhece as qualidades do adversário, ainda assim garante que a sua equipa está preparada para contrariar qualquer supremacia.

“É uma equipa com uma ideia de jogo bem vincada e isso fez com que vários jogadores sobressaíssem naquela equipa. E tentaremos utilizar as nossas armas, que também são muitas, para conseguir magoar o Braga”, frisou ainda.

Rui Pedro Silva garantiu que o Famalicão ambiciona subir ainda mais na tabela classificativa e, por isso mesmo, apenas os três pontos estão no pensamento dos jogadores.

“Há uma obsessão de conquista dos três pontos constante no clube. Depois, quanto maior for a nossa prestação individual, coletiva (…) Terminarmos no melhor lugar possível da classificação vai ser sempre um objetivo para nós”, afirmou também.

Em relação à próxima época, Rui Pedro Silva garantiu que é “inevitável” pensar em detalhes para preparar já o plantel, ainda assim, recusando desviar o foco do encontro com os bracarenses.

“Vai-se falando, é inevitável. Mas o foco neste momento é o jogo. Tudo aquilo que me possa tirar o foco do jogo tento evitar. Do futuro falamos depois do jogo”, concluiu.

O Famalicão, no 12.º lugar, com 36 pontos, recebe no domingo, às 18:00, o SC Braga, em quarto, com 65, numa partida da 34.ª e última jornada da I Liga, que será arbitrada por Manuel Mota, da Associação de Futebol de Braga.

Populares