Seguir o O MINHO

Futebol

Famalicão quer deixar boa imagem

I Liga

em

O Famalicão, com a permanência na I Liga de futebol assegurada, quer deixar uma boa imagem nas duas últimas jornadas, começando já na segunda-feira, frente a um Belenenses SAD obrigado a vencer.

“É um jogo decisivo. Tem emoção e pressão. O Belenenses SAD precisa do jogo e vai disputar os três pontos pelos seus objetivos. Sabemos que o adversário vai lutar por todos os lances e nós vamos fazer com seriedade e com a mesma pressão de sempre. Queremos ganhar o jogo e terminar o campeonato da melhor forma possível”, garantiu o treinador.

Em conferência de imprensa de antevisão da partida do Jamor, o treinador abordou ainda o futuro e não escondeu a vontade de continuar no comando da formação famalicense.

“O meu único futuro é o jogo com o Belenenses. A única conversa que tive, foi público, o contrato de meio ano, com um objetivo comum de conseguir a permanência. Tudo o que vier daqui para a frente, haverá uma conversa, ainda irei ter. Gostava, claro, de continuar no Famalicão”, frisou.

Rui Pedro Silva fez um balanço do seu trabalho no clube e, apesar de algumas adversidades, traça um cenário positivo.

“O objetivo era a permanência e foi concluído com sucesso, fizemos 22 pontos desde que cheguei cá. Foi um período atípico, porque na primeira semana em que estive cá fecharam o centro de treinos devido ao surto de covid-19, depois veio o mercado de janeiro e tivemos também muitos jogadores lesionados. No entanto, é importante valorizar os jogadores, a estrutura e a minha equipa técnica porque acreditaram no processo. Não foi fácil entrar em todos os jogos com espírito de final. Mas faço um balanço muito positivo. Toda a gente cresceu muito”, frisou.

O Famalicão, 13.º classificado, com 33 pontos, joga esta segunda-feira, às 20:15, em casa do Belenenses SAD, no último lugar, com 25, numa partida da 33.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, que será arbitrada por Hélder Malheiro, da associação de Lisboa.

Populares