Seguir o O MINHO

Futebol

Famalicão na quarta eliminatória da Taça de Portugal

Taça de Portugal

em

Foto: Arquivo

O Famalicão venceu hoje o Oriental 3-0, em jogo da terceira eliminatória da Taça de Portugal em futebol, e garantiu a passagem à próxima fase da prova, num jogo em que os golos surgiram na segunda parte.


Apesar do domínio ao longo dos 90 minutos, a equipa da I Liga apenas começou a construir a vitória no segundo tempo, com o golo de Gil Dias (50). Marcelo Trotta (69) e Diogo Queirós (86) marcaram os outros golos do encontro.

Desde o apito inicial que ficou bem visível a maior qualidade do Famalicão, muito por influência da segurança trazida por Gustavo Assunção no setor do meio campo e a irreverência de Valenzuela no flanco direito.

O argentino deixou a ‘cabeça em água’ a Bruno Simão nos primeiros 45 minutos, com excelentes combinações com o compatriota Joaquín Pereyra, mas foi já no segundo tempo que mais uma iniciativa sua resultou no golo inaugural do jogo.

Aos 50 minutos, Valenzuela recebeu no flanco direito, fletiu para o miolo e, após um ressalto, a bola acabou por chegar ao pé esquerdo de Gil Dias, hoje a jogar a lateral, que ‘fuzilou’ Hugo Mosca e colocou os famalicenses na frente do marcador.

O Oriental, último classificado da série G do Campeonato de Portugal, procurou reagir à desvantagem, mas foi sempre o Famalicão a estar por cima no jogo e a poder aumentar a vantagem.

Aos 68 minutos, Jaime ficou perto do segundo, num remate que saiu a rasar o poste e, segundos depois, na sequência de um canto, Gil Dias assistiu e Marcelo Trotta fez o 2-0 para a equipa de João Pedro Sousa, colocando um ponto final nas esperanças dos orientalistas.

Já depois de Luiz Júnior ter feito a defesa do jogo na baliza do Famalicão, Diogo Queirós, aos 86, colocou também o nome na lista de marcadores e fez o 3-0 para os visitantes, novamente na sequência de um canto e em que o defesa português apareceu ao segundo poste a finalizar, já com o Oriental de ‘braços caídos’.

Ficha de Jogo

Jogo no Campo Engenheiro Carlos Salema, em Lisboa.

Oriental – Famalicão, 0-3.

Ao intervalo: 0-0.

Marcadores:

0-1, Gil Dias, 50 minutos.

0-2, Marcelo Trotta, 69.

0-3, Diogo Queirós, 86.

Equipas:

– Oriental: Hugo Mosca, Bruno Simão, Marinheiro, Caminata (Rafa Pinto, 69), Rafa Santos (Camará, 79), Douglas (Hélio Roque, 79), Dudu, Tomás Silva, Varudo (Ruben Gouveia, 69), David Crespo (Márcio Augusto, 64) e Ruizinho.

(Suplentes: Guerreiro, Ruben Gouveia, Fati, Rafa Pinto, Márcio Augusto, Hélio Roque e Camará).

Treinador: Rui Gregório.

– Famalicão: Luiz Júnior, Babic, Jhonata da Silva (Trevisan, 84), Gustavo Assunção, Jaime (Bruno Jordão, 74), Joaquín Pereyra (Guga, 82), Carlos Valenzuela, Diogo Queirós, Herrera, Gil Dias (Jorge Ferreira, 84) e Marcelo Trotta (Daniel Moreno, 84).

(Suplentes: Zlobin, Daniel Moreno, Trevisan, Guga, Riccieli Júnior, Bruno Jordão e Jorge Ferreira).

Treinador: João Pedro Sousa.

Árbitro: Hugo Miguel (AF Lisboa).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para David Crespo (59), Tomás Silva (72), Babic (77) e Daniel Moreno (86).

Assistência: Jogo realizado à porta fechada devido à pandemia de covid-19.

Anúncio

Futebol

Quatro portugueses entre os nomeados para equipa do ano da UEFA

Anthony Lopes, Bruno Fernandes, Cristiano Ronaldo e João Félix

em

Foto: DR / Arquivo

Os portugueses Anthony Lopes, Bruno Fernandes, Cristiano Ronaldo e João Félix integram a lista de 50 nomeados para a equipa do ano da UEFA, anunciou hoje o organismo que tutela o futebol europeu.

Num ano em que foi campeão italiano pela Juventus, Cristiano Ronaldo está pela 17.ª vez entre os nomeados e tenta a 15.ª presença – 14.ª consecutiva – na equipa do ano.

O médio Bruno Fernandes, que se mudou em janeiro do Sporting para o Manchester United, repete a presença nos nomeados, depois de um ano em que se impôs como um indiscutível nos ‘red devils’.

O guarda-redes Anthony Lopes, do Lyon, e o avançado João Félix, do Atlético de Madrid, são dois dos 21 estreantes entre os nomeados.

O Bayern Munique, campeão europeu, é a equipa mais representada na lista, com 10 dos 50 nomeados, seguido de Liverpool e Paris Saint-Germain, com oito, com a Alemanha a ser o país com mais jogadores (oito).

Os onzes do ano da UEFA, tanto masculino como feminino, vão ser escolhidos por votação dos adeptos no site do organismo.

Continuar a ler

Futebol

Ronaldo ou Messi? Trincão responde que “ambos são os melhores” do mundo

Internacional português diz que é impossível escolher entre os dois astros

em

Foto: DR / Arquivo

O avançado internacional português Francisco Trincão, que alinha no FC Barcelona, admitiu hoje que é impossível escolher entre Cristiano Ronaldo ou Lionel Messi, porque “ambos são os melhores” futebolistas do mundo.

Trincão, que esta época se transferiu do SC Braga para o clube catalão, afirmou que o português e o argentino “são jogadores muito distintos”, mas considerou que ambos “são os melhores”.

O avançado, natural de Viana do Castelo, que soma 12 jogos com a camisola do FC Barcelona, dois dos quais como titular, falava na conferência de imprensa de antevisão do encontro com o Ferencvátros, do grupo G da Liga dos Campeões de futebol, competição na qual os catalães já garantiram a passagem aos oitavos de final.

Trincão garantiu estar feliz em Barcelona e afirmou que precisa apenas de “tempo, trabalho e confiança” para se aproximar dos números conseguidos na época passada ao serviço do SC Braga, onde somou nove golos e oito assistências.

Continuar a ler

Futebol

Moreirense e Paços de Ferreira acertam calendário com olhos na Taça da Liga

I Liga

em

Foto: Ilustrativa / DR

O Moreirense e o Paços de Ferreira defrontam-se hoje em jogo em atraso da sétima jornada da I Liga de futebol, numa partida que vai definir a última vaga na Taça da Liga.

O encontro esteve inicialmente previsto para 07 de novembro, mas foi adiado para hoje, devido a um surto de covid-19 no conjunto de Moreira de Cónegos.

Além de uma possível subida na classificação, Moreirense e Paços de Ferreira vão discutir entre si a sexta e última vaga da I Liga na Taça da Liga, este ano, devido à pandemia de covid-19, apenas disponível para os seis melhores do primeiro escalão e os dois líderes da II Liga.

Os pacenses, sextos classificados da I Liga, partem em vantagem, pois precisam de um empate para assegurar a ida à Taça da Liga, enquanto o Moreirense, 12.º, terá de vencer por dois golos para se qualificar.

Em jogos para a I Liga em Moreira de Cónegos, a equipa da casa soma cinco vitórias e dois empates e perdeu apenas uma vez, em 2013, quando o Paços de Ferreira venceu por 5-0.

O encontro está marcado para as 21:45 e terá arbitragem de Hélder Malheiro, da Associação de Futebol de Lisboa.

Continuar a ler

Populares