Esposende oferece 4.900 árvores para reflorestar áreas ardidas

Os terrenos afetados pelos incêndios de 2019 são os principais visados
Foto: DR

O município de Esposende vai disponibilizar, gratuitamente, 4.900 árvores de diferentes espécies para reflorestar terrenos queimados do concelho, anunciou, esta quarta-feira, a autarquia.

Em comunicado, o município acrescenta que as árvores se destinam, preferencialmente, aos terrenos afetados pelos incêndios de 2019, mas poderão também ser utilizadas na recuperação de outras áreas florestais concelhias.

Esta ação decorre da adesão do município ao movimento Terra de Esperança, que tem como mote “Cinza nunca será a cor da Esperança”.

Através deste movimento, Esposende recebeu 4.900 árvores, entre carvalhos, castanheiros, bétulas, faias, cedros do Bussaco, ciprestes, medronheiros, nogueiras e pinheiros mansos.

Foi dada primazia às espécies autóctones, que melhor se adaptem ao clima do concelho e que apresentem maior rusticidade, para que possam contribuir para o aumento da biodiversidade e para a diminuição do risco de incêndio.

As árvores poderão ser levantadas gratuitamente na Junta de Vila Chã e nas instalações da União das Freguesias de Esposende, Marinhas e Gandra e da União das Freguesias de Palmeira de Faro e Curvos.

Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

Duas mulheres feridas após queda em escada rolante do BragaShopping

Próximo Artigo

Primeiro-ministro rejeita acusação do Bloco de Esquerda e nega tratamento especial a Isabel dos Santos

Artigos Relacionados
x