Seguir o O MINHO

Ave

Equipa médica sensibilizou para doenças cardiovasculares em Celorico de Basto

Saúde

em

Foto: CM Celorico de Basto

As técnicas da Unidade Móvel de Saúde de Celorico de Basto estiveram, esta quarta-feira, no Centro Cultural Marcelo Rebelo de Sousa, a promover uma ação de sensibilização sobre doenças cardiovasculares, junto de alguns idosos que integram o programa Celorico a Mexer.

Principal causa de morte ao redor do globo, as doenças cardiovasculares estão associadas a  atores de risco comportamentais que podem ser detetados antes de suceder algum problema mais grave.

Para isso, diz a técnica Daniela Silva, é “importante sensibilizar a nossa população para ter mais cuidado com o coração, é preciso ensinar e aumentar a literacia para a saúde e motivar para uma alimentação saudável, prática do exercício físico e sobretudo uma boa vigilância médica, nos cuidados de saúde primários”.

De acordo com uma nota de imprensa enviada pela Câmara, a plateia presente nesta ação são idosos que integram o programa Celorico a Mexer, uma parceria que a coordenadora de ação social e saúde do Município, Helena Martinho, olha “com muito interesse”.

“O Celorico a mexer não é apenas uma atividade lúdica, recreativa e de lazer, é um serviço que aborda todo o tipo de informação útil que possa ser benéfica para o dia-a-dia das pessoas. Aproveitamos esta ação integrada na campanha do mês do coração da Unidade Móvel, e sendo as doenças cardiovasculares as de maior incidência no nosso concelho, para ensinar e aconselhar as pessoas para o estilo de vida e sinais de alerta, sendo mais uma forma de apoiar estas populações ao aumentar a sua literacia para a saúde”, disse, citada no comunicado.

Conceição Pereira, utente do Celorico a Mexer, disse que estas ações “são muito importantes para nos ensinar a ser mais ativos e a ter comportamentos saudáveis para a nossa saúde, eu faço natação duas vezes por semana por indicação médica e faço as aulas de ginástica do Celorico a Mexer mas se soubesse que me fariam tão bem já teria começado as aulas há muito mais tempo”.

A ação designada “o seu coração” abordou várias temáticas, desde doenças cardiovasculares, fatores de risco das doenças cardiovasculares, ateroscleróticas (ataque cardíaco e AVC), prevenção das doenças cardiovasculares (controle da tensão arterial, colesterol e triglicerídeos, prevenção da diabetes, manter um peso saudável, fazer uma alimentação amiga do coração, controlo do stress, higiene do sono, evitar tabagismo…).

Para a vereadora da Ação Social e Saúde do Município, Maria José Marinho, estas campanhas são importantes porque “temos uma população idosa significativa e reconhecemos que a prevenção é essencial”.

“Uma sensibilização para a prevenção efetivada pelos profissionais de saúde que dão conselhos, informam para os sinais de alerta, esclarecem para os cuidados de saúde primários porque quando se trata de coração é preciso agir por antecipação e nesse sentido, perceberem os comportamentos que devem adotar”, concluiu.

EM FOCO

Populares