Em último da liga, presidente do FCSB diz que Vitória jogaria na II divisão na Roménia

Gigi Becali continua com polémicas
Foto: DR

Gigi Becali, presidente do FCSB [ex-Steaua de Bucareste], continua com declarações polémicas para com o Vitória Sport Club, adversário nos playoff da Liga Europa.

Mesmo depois de uma derrota esmagadora (4-0) este domingo frente ao Gaz Metan, o líder dos romenos mantém a confiança em passar à fase de grupos da competição europeia e diz mesmo que o Vitória SC, na Roménia, jogaria na II divisão.

Em declarações no pós-jogo da derrota, que foi também a estreia do novo treinador, Bogdan Vintilă, o presidente Gigi Becali desvalorizou o resultado de domingo, mostrando-se confiante na vitória para a próxima quinta-feira.

“Se nos concentrarmos vamos classificar-nos na quinta-feira. Esta equipa [Vitória SC] não se compara ao Gaz Metan, é mais uma equipa como o Chiajna Concord [II Liga]”, atirou o polémico presidente que, ainda há alguns dias, garantiu “cortar a cabeça” caso o Vitória marque algum golo ao FCSB.

De acordo com a imprensa romena, o atual treinador aufere cerca de 5.000 euros mensais, mas poderá receber um bónus de 60.000 euros caso passe para a fase de grupos da Liga Europa.

O presidente do clube é já conhecido por uma série de polémicas que envolvem declarações racistas e xenófobas.

A verdade é que os romenos estão em crise na liga doméstica, somando já cinco derrotas consecutivas, ocupando a última posição da principal liga de futebol na Roménia.

O jogo que vai decidir o acesso à fase de grupos da Liga Europa está marcado para as 20:00 de quinta-feira, no Estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães.

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

Detido por suspeitas de tráfico de droga em Guimarães

Próximo Artigo

Eleições legislativas: Vinte partidos concorrem pelo círculo de Viana do Castelo

Artigos Relacionados
x