EDP Renováveis e Google assinam acordo para mais de 80 projetos de energia solar distribuída nos EUA

Economia
Foto: DR / Arquivo

A EDP Renováveis e a Google anunciaram hoje um acordo para mais de 80 projetos de energia solar distribuída nos EUA, o maior do género no país, segundo as empresas, com benefícios para cerca de 25.000 famílias vulneráveis.

“A Google e a EDP Renováveis (EDPR), através da unidade de negócio de produção solar distribuída da EDP Renováveis América do Norte (EDPR NA DG), celebraram uma parceria que vai permitir desenvolver e instalar mais de 80 projetos de energia solar distribuída, num total de cerca de 650 MWp [megawatts-pico]”, anunciaram em comunicado.

Segundo a mesma nota, trata-se do “maior acordo celebrado entre duas empresas para o desenvolvimento de projetos de energia solar distribuída nos Estados Unidos”, citando dados da S&P Global e da BloombergNEF (BNEF).

O contrato prevê benefícios para cerca de 25.000 famílias com baixos rendimentos e permite desenvolver eletricidade em comunidades de energia renovável em seis Estados norte-americanos, sendo que os primeiros projetos vão começar a ser desenvolvidos no Ohio e deverão estar operacionais até ao final de 2024.

A EDPR NA DG será responsável pelo desenvolvimento, construção e operação dos parques solares fotovoltaicos, que serão também parcialmente financiados “pela aquisição de Certificados de Energia Renovável (REC, na sigla original) pela Google, um instrumento que certifica que um determinado comprador tem os direitos dos benefícios ambientais e sociais da eletricidade renovável produzida por um determinado projeto renovável”, refere a mesma nota.

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

Chega vai pedir que primeiro-ministro dê explicações por escrito à comissão de inquérito à TAP

Próximo Artigo

Treinador do Nacional admite que eliminatória está "praticamente resolvida" após goleada do Braga

Artigos Relacionados
x