É “um dos maiores negócios de sempre” feitos em Esposende

Autarca elogia venda da Solidal

O presidente da Câmara de Esposende mostrou-se satisfeito com a venda da Solidal, Condutores Elétricos S.A. à dinamarquesa NKT, dado que é uma garantia para a estabilidade da empresa nos próximos anos “e com ela a de cerca de 430 trabalhadores” e famílias. 

Numa nota publicada nas redes sociais, Benjamim Pereira elogia a anterior administração por ter recuperado uma empresa “estruturante” para Esposende e agora a ter transformado “num dos maiores negócios de sempre” realizados naquele concelho, culminando na integração num dos maiores grupos do mundo em relação a cabos elétricos, que promete um investimento de 50 milhões de euros.

“O município tudo tem feito para auxiliar na resolução de problemas, num política apoio e de total proximidade com as empresas com vista, precisamente, à sua valorização e criação de riqueza no nosso território”, sublinha o autarca. 

Benjamim Pereira lembrou ainda o recente investimentos da Vanguard na Kozowood, para fabricar casas em madeiras, para classificar Esposende como “um município diferente e com futuro”. 

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

Novo aeroporto pode ser construído até 2030

Próximo Artigo

Praças cheias no Minho festejaram vitória de Portugal

Artigos Relacionados
x