É de Braga o novo líder do setor têxtil europeu

Mário Jorge Machado é o primeiro português a presidir a Euratex
Mário Jorge Machado. Foto: DR / Arquivo

Mário Jorge Machado, de 62 anos, natural de Braga, é o novo presidente da Euratex – Confederação da Indústria Têxtil e Vestuário Europeia.

O administrador da estamparia Adalberto (Santo Tirso) e também presidente da ATP – Associação Têxtil e Vestuário de Portugal foi eleito na passada sexta-feira.

É o primeiro português a ocupar o cargo. O que, em declarações ao jornal Expresso, considera ser “de alguma forma um reconhecimento da importância da indústria nacional no contexto europeu e de todo o trabalho que tem sido feito pelo sector na sua projeção internacional”.

“A Europa ficou para trás no apoio à sua indústria”

Em comunicado citado pelo Jornal T, o novo presidente da Confederação refere que “os últimos indicadores mostram que a indústria europeia tem taxas de crescimento inferiores ao dos seus correntes; isto é algo que temos de inverter”.

Mário Jorge Machado acrescenta que “os decisores políticos têm de perceber que a indústria têxtil não pode ser uma moeda de troca nas negociações globais”.

“Vemos que os Estados Unidos estão a fazer para apoiar a sua indústria, e vemos o que a China está a fazer para apoiar a sua indústria. A Europa ficou para trás no apoio à sua indústria”, salienta.

O novo presidente dá ainda nota que “durante o último mandato, a UE emitiu muitas legislações sobre sustentabilidade e circularidade direcionadas para a indústria transformadora. No entanto, se quisermos que esta estratégia seja bem-sucedida, precisamos de nos concentrar mais na dimensão dos consumidores”.

“A Euratex tem um papel muito importante a desempenhar na pressão para que o processo legislativo seja realizado de acordo com a capacidade de adaptação do sector”, conclui.

Licenciado em Engenharia de Polímeros pela UMinho

Mário Jorge Machado nasceu e cresceu em Braga, onde os pais tinham um negócio de mobiliário, com fábrica e rede de lojas (Móveis Machado).

É licenciado em Engenharia de Polímeros pela Universidade do Minho, tendo realizado várias formações complementares nas áreas de marketing, direção de equipas, gestão de projetos, planeamento estratégico, ‘lean production’, direção de empresas e financeira.

Segundo a sua biografia no site da UMinho, iniciou atividade profissional em 1985 na área industrial, como responsável do departamento de controlo de gestão industrial, tendo desempenhado cargos de direção técnica, direção comercial e direção geral, aonde foi responsável por construir e dirigir equipas desde alguns elementos a mais de três centenas de pessoas.

É administrador de empresas de diferentes setores de atividade e em diferentes países, sendo o setor têxtil e na Estamparia Adalberto que exerce a principal atividade.

É ainda palestrante convidado para diferentes eventos/seminários de economia e tecnologia sobretudo versando o setor têxtil, convidado de vários programas nos diferentes meios de comunicação social, bem como presidente da ATP – Associação Têxtil E Vestuário De Portugal, membro da direção da CIP – Confederação Empresarial de Portugal e membro do Board da Euratex.

Foi condecorado pela Presidência da República com a Ordem de Mérito Empresarial (classe mérito industrial) e pelo município de Santo Tirso com Medalha de Mérito Empresarial – Grau Ouro.

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

Violenta colisão faz 3 feridos em Arcos de Valdevez

Próximo Artigo

Esta cascata em Viana é um verdadeiro paraíso natural para descobrir no verão

Artigos Relacionados
x