Seguir o O MINHO

Guimarães

Dois ‘vespistas’ estrangeiros deram o nó em Guimarães

No maior encontro de motas Vespa do mundo

em

Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO

Depois de se conhecerem nas redes sociais, Chris, inglês, e Tatjana, austríaca, foram construindo uma relação à volta da paixão comum pelas vespas. No último encontro europeu de vespistas, na Hungria, antes da pandemia parar tudo, Chris encheu-se de coragem e pediu Tatjana em casamento.

“Ela disse que sim, mas não queria casar-se na Áustria. Então, combinamos que seria no país que recebesse o próximo European Vespa Days”, conta o noivo. Corria o ano de 2019 e o casamento devia acontecer em 2020, mas como a concentração dos vespistas em Guimarães teve que ser adiada dois anos, os noivos e os convidados também diferiram os seus planos.

Casamento de Chris e de Tajiana durante o European Vespa Days, na Villa Margaridi, Mesão Frio, Guimarães. Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO

Casamento de Chris e de Tajiana durante o European Vespa Days, na Villa Margaridi, Mesão Frio, Guimarães. Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO

Esta sexta-feira, no segundo dia do European Vespa Days, chegou finalmente o grande dia, perante um oficial da Conservatória do Registo Civil e ladeados por duas das suas “girls”, uma 125 TS e uma 150 Super Sport, Chris e Tatjana contraíram matrimónio.

Os casais não são invulgares no mundo das vespas, que o digam Maria João Pires e Luís Trigo, o casal português com mais quilómetros percorridos. “França, Itália, Holanda, Bélgica, Alemanha…”, é mais fácil dizer, “por toda a Europa”.

Casamento de Chris e de Tajiana durante o European Vespa Days, na Villa Margaridi, Mesão Frio, Guimarães. Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO

Casamento de Chris e de Tajiana durante o European Vespa Days, na Villa Margaridi, Mesão Frio, Guimarães. Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO

Luís e Maria João são de Setúbal e estão naquela fase da vida em que ainda não são velhos, “mas em que os filhos já não precisam da nossa ajuda”. Luís chegou a ter uma 150 Super, “quando era jovem, mas depois veio a família e havia outras prioridades”. Recomeçou a andar, em 2009, agora “numa grandalhona”, uma 300 GTS.

Casamento de Chris e de Tajiana durante o European Vespa Days, na Villa Margaridi, Mesão Frio, Guimarães. Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO

Casamento de Chris e de Tajiana durante o European Vespa Days, na Villa Margaridi, Mesão Frio, Guimarães. Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO

Casamento de Chris e de Tajiana durante o European Vespa Days, na Villa Margaridi, Mesão Frio, Guimarães. Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO

O mundo das vespas está reunido, desde quinta-feira até domingo, no Multiusos de Guimarães. É o European Vespa Days que se realiza pela terceira vez em Portugal – depois de, em 2004, ter sido em Lisboa e, em 2010, em Fátima -, reunindo mais de 5.000 participantes, vindos não só da Europa, mas também da América Central, EUA, Canadá, Indonésia, Índia e Austrália.

EM FOCO

Populares