Dezenas de grupos organizados em Fátima para peregrinação de junho

Oriundos de 20 países
Foto: Lusa

Cerca de seis dezenas de grupos organizados de peregrinos, oriundos de 20 países, estão hoje no Santuário de Fátima, onde participarão nas cerimónias da peregrinação que assinala a segunda aparição ocorrida em 1917.

Os grupos que se fizeram anunciar junto dos serviços do santuário são maioritariamente da Europa, como Espanha, França, Itália ou Polónia, mas também da Colômbia, dos Estados Unidos, do México ou de Singapura, Coreia do Sul ou Austrália.

A peregrinação de hoje e quinta-feira, que segue os moldes das grandes peregrinações de maio, agosto ou outubro, é presidida pelo bispo de Portalegre-Castelo Branco, Antonino Dias, para quem, citado na página do santuário na Internet, Fátima dá “tranquilidade, mas não só: Fátima apela ao recolhimento, à ternura, ao silêncio, à conversão, à alegria interior, à paz, à paz do coração e no mundo”.

O dia de hoje fica também marcado, em Fátima, pela passagem do centenário da criação dos Servitas de Fátima, pelo então bispo de Fátima, José Alves Correia da Silva.

A sua função é servir os peregrinos que se deslocam ao Santuário de Fátima, “prestando-lhes assistência material e espiritual com especial incidência nos doentes”.

Segundo informação do santuário, os Servitas dependem organicamente da reitoria do Santuário de Fátima, e estão presentes nas peregrinações aniversárias (de maio a outubro), nos fins de semana de maio a novembro, nos retiros de doentes ao longo de todo o ano, e em todas as outras celebrações nacionais, diocesanas ou internacionais para as quais seja considerada necessária a sua presença.

Atualmente conta com cerca de 450 membros, entre sacerdotes, religiosos e leigos.

Em 27 de junho de 2017, a Associação dos Servitas foi condecorada pelo Presidente da República com o grau de Membro Honorário da Ordem de Mérito.

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

Governo vai auditar conselhos de administração dos hospitais

Próximo Artigo

Fafe: Polícias municipais ajudam idoso "desorientado" conduzindo-o a casa na sua própria carrinha

Artigos Relacionados
x