Seguir o O MINHO

Viana do Castelo

De Viana para a América: Chegou há 10 dias à Microsoft e já é elogiado pelo ‘patrão’

Edgar Simões, ex aluno do IPVC, desenvolveu ‘app’ que ajuda ucranianos

em

Em apenas 10 dias, o ex-aluno do Instituto Politécnico de Viana do Castelo (IPVC) chegou, viu e já conquistou o CEO da Microsoft. Foi com “surpresa” que Edgar Simões ouviu Sataya Nadella a elogiar a plataforma que criou para apoiar em tempo real os refugiados ucranianos.

O ‘patrão’ da empresa deu visibilidade à escala global, no primeiro dia do maior evento mundial da empresa (Microsoft Build 2022), do trabalho desenvolvido pelo ex-aluno da licenciatura em Gestão da Escola Superior de Tecnologia e Gestão (ESTG-IPVC). O recém-chegado à empresa sente agora “o peso da responsabilidade”, mas “mais do que nunca” vai aproveitar “esta oportunidade”.

A plataforma “Ukraine Live Aid”, acessível aqui, arrancou em março e já inclui mais de 100 instituições em 17 distritos portugueses.

“Já vimos pessoas a usar as Power Pages para trabalhos significativos e muito necessários. Em Portugal, Edgar Simões quis encorajar as pessoas a doar bens para ajudar a receção de refugiados. Utilizou o Power Pages para hospedar e construir a sua aplicação, permitindo-lhe lançar um site sem conhecimentos de HTML ou Web. Passou de uma ideia para impacto real em poucos dias”, destacou o CEO da Microsoft, Satya Nadella, na abertura da conferência.

Durante o dia de ontem, Edgar Simões não teve mãos para tantos telefonemas nem para responder a tantas mensagens. “Foi um dia de loucos, nunca tive tantas chamadas, e-mails e comunicações internas. Todos me diziam que estava apenas há uma semana na empresa e já estou no palco”, relatou.

Ainda nas palavras do fundador do Ukraine Live Aid, “este projeto nasceu da vontade de apoiar os refugiados ucranianos”.

A pandemia mostrou-nos, ainda segundo o ex-aluno do IPVC, que “a tecnologia serve melhor o seu propósito quando está ao serviço das pessoas em momentos de emergência social”. Desta vez, o Power Platform Support Engineer da Microsoft Portugal decidiu agir. “Percebi que havia muitos dados dispersos sobre os centros de doação em território nacional. Mesmo com conhecimento limitado em Microsoft Power Pages e quase nulo em programação desenvolvi a primeira versão da aplicação num fim-de-semana”, confessou Edgar Simões.

A Ukraine Live Aid consiste numa plataforma que contém um mapa interativo que pretende facilitar a todos os portugueses a procura dos locais onde é possível prestar donativos, disponibilizando após os filtros do local, um link direto para o google maps, sendo mais funcional a utilização da plataforma através de um dispositivo móvel.

Edgar Simões, natural de Viana do Castelo, adiantou ainda que através de um mapa interativo, os utilizadores podem submeter locais que não estejam presentes no mapa interativo e contribuir com apoio técnico/informático para evoluir a maturidade da plataforma. “Num fim-de-semana em casa com os instrumentos certos fiz a minha música”, adiantou Edgar Simões, em jeito de brincadeira.

A plataforma arrancou com 30 pontos de doação e concentra agora mais de 100 locais, em 17 distritos de Portugal Continental, Açores e Madeira, sendo apoiada por uma equipa de sete voluntários da comunidade técnica. “A plataforma estava com uma média de 20 visitas diárias e só no dia de ontem chegamos às mil visitas”, revelou.

De destacar que o licenciado em Gestão pelo Instituto Politécnico de Viana do Castelo mantém uma paixão pelos diferentes produtos e tecnologia da Microsoft: é embaixador do programa Microsoft Learn Student Ambassadors desde 2020 e detém a certificação oficial da Microsoft “Power Platform Functional Consultant Associate”.

Artigo desenvolvido pelo Instituto Politécnico de Viana do Castelo.

EM FOCO

Populares