Seguir o O MINHO

Alto Minho

Covid-19: Morreu o emigrante de Monção que viajou em autocarro com 50 pessoas

Covid-19

em

Foto: DR / Arquivo

O emigrante de Monção que acusou positivo para a doença de covid-19 depois de se deslocar desde França num autocarro com outras 50 pessoas morreu vítima do vírus, foi hoje anunciado.

De acordo com a Junta de Freguesia de Merufe, onde o homem possuía habitação, o homem, de 64 anos, não resistiu às complicações provocadas pelo SARS CoV-2, acabando por morrer no Hospital de São João, no Porto.

Através das redes sociais, a autarquia lamenta o óbito: “Neste momento difícil, onde as palavras, por muito reconfortantes que sejam, não retiram a dor e a angústia, o Executivo da Junta de Freguesia apresenta sentidas condolências a toda a família”.

De acordo com a Alto Minho TV, o homem foi o primeiro caso registado com infeção positiva no distrito de Viana do Castelo, logo no início de março.

Monção conta hoje com 58 casos confirmados de infeção, segundo o boletim diário da Direção-Geral de Saúde. Dados revelados pela autarquia apontam que a maior parte dos casos, cerca de 80%, são em lares de idosos.

Populares