Seguir o O MINHO

Cávado

Criança de 10 anos atropelada em Fão. Condutor não fugiu, diz GNR

Na EN 13

em

Foto: O MINHO

Uma criança de dez anos foi vítima de atropelamento, esta quarta-feira, em Fão. Segundo disse a O MINHO fonte dos bombeiros, a vítima sofreu ferimentos considerados ligeiros, após ter sido colhida em frente a uma pastelaria, na Estrada Nacional (EN) 13, naquela localidade do concelho de Esposende.

O condutor da viatura, segundo esclareceu a GNR, já não estava no local, mas, ao contrário de uma primeira versão avançada a O MINHO, não se pôs em fuga.

Os Bombeiros Voluntários de Fão transportaram a criança para o Hospital.

 

Notícia atualizada às 19h40.

Anúncio

Barcelos

Mítica discoteca Vaticano, em Barcelos, anuncia encerramento

21 anos depois da abertura

em

Foto: DR /Arquivo

A discoteca Vaticano, em Barcelos, vai encerrar, 21 anos após a sua abertura, anunciaram hoje os proprietários.

Numa nota divulgada no Facebook, os responsáveis por aquele mítico espaço de diversão justificam o fecho com problemas judiciais.

“Durante quatro anos lutámos junto dos tribunais contra forças contrárias que pretendiam o encerramento do espaço, sempre sem sucesso”, refere aquela nota, acrescentando que , os proprietários, foram “apanhados de surpresa num negócio imobiliário envolvido nesta decisão, e tentamos por todos os meios reverter esta situação , o qual não foi possível”.

Inaugurada em 1999, na rua Cândido da Cunha, junto ao Parque da Cidade de Barcelos, a Vaticano foi “local de culto”, muito conhecido entre os notívagos da região Norte, nomeadamente pela presença de grandes DJ’s nacionais e internacionais – como, por exemplo, DJ Vibe.

“Poucos espaços nocturnos se podem orgulhar de atingir tão grande longevidade”, assinala a gerência do espaço.

Continuar a ler

Barcelos

Homem detido em Barcelos para cumprimento de pena de prisão

Homem de 52 anos

em

Foto: O MINHO

A PSP anunciou, esta quinta-feira, a detenção, em Barcelos, de um homem de 52 anos de idade.

Tinha pendente um mandado para cumprir pena de prisão.

Em comunicado, a PSP refere que o homem foi detido na quarta-feira.

Foi conduzido ao Estabelecimento Prisional de Viana do Castelo.

Continuar a ler

Cávado

‘Motards’ vão encher marginal de Esposende no último adeus a Paulo Gonçalves

Autarquia decreta luto municipal

em

Foto: Divulgação

A Câmara de Esposende vai decretar um dia de luto municipal pela morte de Paulo Gonçalves, piloto português que perdeu a vida no domingo, após uma queda, na 42.ª edição do Rali Dakar de todo-o-terreno, na Arábia Saudita, anunciou, esta quinta-feira, a autarquia.

Além dessa medida, a autarquia está a articular com a família de Paulo Gonçalves, para que o cortejo fúnebre passe pelo centro de Esposende, antes de rumar a Gemeses, onde decorrerão as cerimónias fúnebres, em dia a anunciar.

A última homenagem do universo motard decorrerá nesse trajeto do cortejo fúnebre, com as motos alinhadas na marginal de Esposende, antecedendo o minuto de silêncio que será cumprido na Praça do Município, antes de rumar a Gemeses.

O despacho já foi assinado pelo presidente da Câmara de Esposende, Benjamim Pereira, sendo proposto o voto de pesar e decretado o luto municipal para o dia em que decorrerem as cerimónias fúnebres.

“Esposende perdeu um grande Homem. Íntegro, solidário, generoso e, principalmente, sempre disponível para todos”, sublinha Benjamim Pereira que garante eternizar o nome de Paulo Gonçalves, “devido à postura exemplar que sempre o caraterizou, dignificando os valores do desporto que também nós preconizamos”.

Em comunicado, a autarquia realça que “Paulo Gonçalves foi, diversas vezes, homenageado pelo Município de Esposende, tendo recebido a Medalha de Mérito Desportivo, em novembro de 2003”.

“A Câmara enalteceu o mérito desportivo do cidadão esposendense Paulo da Silva Gonçalves, reconhecendo a ação do piloto, enquanto exemplo, em propiciar uma sã integração social, sendo uma das formas de cativar os mais jovens para um caminho íntegro e social, intelectual e culturalmente elevado”, refere a mesma nota. Foi ainda homenageado nas últimas dez edições da Gala de Distinção de Mérito Desportivo.

“Paulo Gonçalves mantinha estreita cooperação com o Município de Esposende, com o qual havia firmado um protocolo que envolve outros atletas locais e participava, frequentemente, nas atividades desportivas do concelho”, aponta o documento.

“Devido ao grande carinho que colhia junto da população local, principalmente dos mais novos, Paulo Gonçalves foi mesmo o rosto de uma campanha de sensibilização ambiental que o município desenvolveu, a apelar à separação seletiva de resíduos”, recorda a autarquia.

Campeão do mundo de Cross-Country e Rallyes, em 2013, Paulo Gonçalves concluiu o Rali Dakar de todo-o-terreno em segundo lugar, em 2015, prova na qual participou por 13 vezes, tendo concluído quatro delas entre os dez primeiros classificados. Paulo Gonçalves é o piloto português com mais títulos nacionais e internacionais, numa carreira iniciada no motocross e que passou também pelo Enduro e TT.

Em 2016, o Instituto Português do Desporto e da Juventude (IPDJ) atribui-lhe o Prémio de Ética no Desporto por ter parado durante uma das etapas do Dakar2016, quando liderava a corrida, para ajudar o austríaco Mathias Walkner, que tinha caído.

Continuar a ler

Populares