Seguir o O MINHO

Braga

Condutor alcoolizado agride polícia ao soco em Braga

Estacionou o carro no meio da estrada

em

Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO (Arquivo)

Um homem de 57 anos foi detido, na terça-feira à noite, após agredir um polícia que o abordara por causa de este ter o carro estacionado no centro da faixa de rodagem na Rua do Corvo, em Braga. O suspeito estava alcoolizado.


Em comunicado, a PSP explica que a situação aconteceu pelas 22:30 de ontem, quando foi detetada “uma viatura estacionada no centro da faixa de rodagem, estando a mesma a importunar o normal circulação do trânsito”.

“Perante a situação, foi solicitado ao suspeito, um cidadão com 57 anos de idade, para retirar a viatura, tendo o mesmo referido que não a ia retirar pois encontrava-se alcoolizado”, explica o comunicado.

De seguida, continua o comunicado, “o agente dirigiu-se à viatura do suspeito para proceder à sua fiscalização, tendo o mesmo agredido a soco o elemento policial”.

Submetido ao teste de álcool, apresentou uma taxa de álcool no sangue de 2,00g/l.

O indivíduo foi detido e informado que irá ser notificado posteriormente, para comparecer no Tribunal Judicial da Comarca de Braga.

Anúncio

Braga

Universidade do Minho cria formulário interno para reportar casos positivos

Covid-19

em

Foto: DR / Arquivo

A Universidade do Minho (UMinho) está a desenvolver um formulário online para que os membros da comunidade académica com teste positivo ao novo coronavírus possam “dar o alerta”, foi hoje anunciado.

O pró-reitor e presidente da Comissão Covid-19 da UMinho, Paulo Cruz, disse à Lusa que aquele formulário deverá estar disponível “nos próximos dias”, na intranet e no portal académico, “com total proteção de dados”.

“Um membro da comunidade académica que esteja infetado pode dizer onde esteve, que departamentos da universidade frequentou, com quem andou, quando deu positivo, fornecendo-nos assim informações importantes para acompanharmos a evolução da situação e tomarmos medidas de mitigação”, referiu.

O mesmo membro terá, depois, oportunidade de ir atualizando a informação.

“É uma ferramenta que nos vai permitir ter uma noção mais exata de como estão a correr as coisas e, eventualmente, identificar focos de contágio”, acrescentou Paulo Cruz.

O formulário estará disponível, “o mais tardar”, no início da próxima semana.

Segundo Paulo Cruz, a Universidade do Minho registou, desde o início do ano letivo, 52 casos de infeção por SARS-CoV-2.

“São números totais, alguns já estão curados”, sublinhou.

Aquele responsável adiantou que, até agora, “não se registou qualquer surto” na academia, estando a situação epidemiológica “controlada”.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 1,1 milhões de mortos e mais de 41,3 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 2.245 pessoas dos 109.541 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Continuar a ler

Braga

BragaNoivos regressa com “apertadas” medidas de seguraça

Entre sexta-feira e domingo no Altice Forum

em

Foto: DR / Arquivo

A edição 2020 da BragaNoivos vai decorrer entre sexta-feira e domingo no Altice Forum Braga, com medidas de segurança “mais apertadas” por causa da pandemia de covid-19, foi hoje anunciado.

Em comunicado, a InvestBraga refere, desde logo, que será realizada, em tempo real, a gestão da lotação máxima, de forma a não ultrapassar o limite de 300 visitantes em simultâneo.

As normas passam pelo controlo de temperatura corporal a todos os participantes à entrada do edifício, desinfeção do calçado à entrada através de tapete bactericida, obrigatoriedade da higienização das mãos à entrada e nas áreas comuns de circulação e uso obrigatório de máscara dentro do edifício, parque de estacionamento e entradas do edifício, sendo recomendado o uso de máscaras FFP2/KN95, disponíveis para venda em máquina à entrada do edifício.

A credenciação e o controlo de acessos será 100% digital e no acesso à feira serão usados mecanismos de controlo de gestão de fila através de sinalização no solo e pessoal de apoio.

O pagamento digital será privilegiado de forma a reduzir as transações em dinheiro, mas se forem utilizadas moedas ou outros cartões bancários, as mãos e equipamentos serão desinfetados após o uso.

Haverá ainda capacidade limitada em cada stand e promoção de catálogos e material de distribuição digital.

A limitação e o distanciamento serão assegurados durante todas as passarelas, com a respetiva desinfeção dos espaços e cadeiras no fim de cada desfile.

Jorge Ferreira, organizador do evento, afirma que a edição deste ano promoverá a “vitalidade do setor dos casamentos, uma vez que este setor quer, mais do que nunca, mostrar toda a sua vitalidade e resiliência”.

A Braga Noivos viu reduzido, no entanto, o habitual número de expositores para 110, “com a garantia da mesma diversidade e qualidade”.

Em 2018, o certame contou com 150 expositores.

Continuar a ler

Braga

“Braga ficará a 35 minutos de Vigo”

Pedro Nuno Santos

em

Foto: Facebook de Pedro Nuno Santos

O Governo apresentou esta quinta-feira o Programa Nacional de Investimentos (PNI) 2030, no qual está prevista uma nova linha ferroviária entre o Porto e Vigo, com paragem em Braga, que permitirá fazer a viagem numa hora. “Só com Braga-Vigo conseguimos tirar uma hora. Braga ficará a 35 minutos de Vigo”, salientou Pedro Nuno Santos.

Entre o plano de investimentos, conta-se, também, uma nova linha de alta velocidade entre Porto e Lisboa para ligar as duas cidades em 01:15. “É uma linha cara. Por isso temos de planear com razoabilidade e o primeiro troço será Porto/ Soure. Assim podemos aproveitar o investimento no primeiro troço ainda antes de ter a linha toda pronta”, refere o ministro.

Vem aí uma linha de alta velocidade entre Porto e Vigo com passagem em Braga

A nova linha de alta velocidade, com um custo estimado de 4,5 mil milhões de euros, permitiria reduzir a viagem de 2h50 para 1h15. “São ganhos extraordinários e só tornam mais difícil compreender como perdemos tanto tempo”, frisou Pedro Nuno Santos.

O ministro considera que o Programa Nacional de Investimentos (PNI) 2030 trata-se de “um instrumento fundamental no planeamento da aplicação dos próximos dois quadros de fundos europeus, definindo um conjunto de investimentos em equipamentos e Infraestruturas nas áreas de Transportes, Ambiente, Energia e Regadio para a década de 2021 a 2030”.

“O facto de ser um documento que partiu de um consenso com os diversos partidos permite-nos acreditar que problemas do passado deixam de existir. Acredito que diferentes partidos, governos e ministros possam comprometer-se com estes investimentos públicos”, acrescentou o governante, anunciando outros projetos como a eletrificação a 100% da nossa rede até 2030, aumento da capacidade nas áreas metropolitanas, compra de 129 novos comboios.

Na rodovia, o ministro salienta a conclusão do IP8 Sines-Beja e as ligações às áreas empresariais; e nos Portos, a construção de novos terminais e expansão de terminais existentes, melhoria dos acessos marítimos.

Continuar a ler

Populares