Seguir o O MINHO

Ave

Concurso para transporte rodoviário de passageiros no Ave com parecer positivo

Autoridade da Mobilidade e dos Transportes

em

Foto: DR

A Autoridade da Mobilidade e dos Transportes (AMT) emitiu parecer prévio positivo em relação ao concurso público para a contratação de serviço de transporte rodoviário de passageiros na Comunidade Intermunicipal (CIM) do Ave, anunciou, esta segunda-feira, aquele organismo.


Em comunicado, a AMT refere que o concurso abrirá aquele sistema de transportes à concorrência, “com o objetivo de melhorar as atuais condições de prestação daqueles serviços”.

Sublinha que o parecer, ainda que positivo, implica o cumprimento de diversas determinações e recomendações, não só quanto ao procedimento concursal em causa como também quanto à execução contratual, no que se refere a matéria operacional, económica e financeira, bem como ao apuramento e reporte, circunstanciado e periódico, de informação relevante.

A AMT irá acompanhar a execução contratual, “de forma a garantir que, a todo o tempo, se cumprem os normativos legais e contratuais aplicáveis”.

O parecer da AMT é vinculativo.

Contactada pela Lusa, a secretária-executiva da CIM do Ave, Maria do Rosário Azevedo, admitiu que o concurso público deverá ser lançado ainda este ano.

Antes disso, será ainda necessário elaborar um estudo de viabilidade económico-financeira.

Paralelamente, falta também definir os pontos e especificações do concurso, um trabalho que passará por uma “concertação” com autoridades de transportes vizinhas.

Maria do Rosário Azevedo disse que o concurso deverá ser por cinco anos, não estando ainda definido o valor-base.

Explicou que a CIM do Ave, enquanto Autoridade de Transportes, decidiu avançar para um contrato de concessão por essa ser a solução “mais prudente”, uma vez que “o risco passa para o concessionário”.

“A CIM passa a ser a dona do negócio, mas o risco fica do lado do operador”, referiu.

Disse ainda que, após a primeira concessão, a CIM avaliará se se justifica avançar com um novo contrato de concessão ou se será mais vantajoso optar por uma prestação de serviços.

“Neste momento, e como a CIM não tem quaisquer conhecimentos e experiência na área, é mais avisado avançar com um contrato de concessão”, frisou.

Na região abrangida pela CIM do Ave, há três municípios – Guimarães, Famalicão e Vieira do Minho – que são autoridades de transportes, cabendo-lhes a gestão nos seus territórios.

Anúncio

Guimarães

No Dia do Animal, gato é resgatado de uma torre de alta tensão em Guimarães

Resgate

em

Foto: Facebook de Bombeiros de Guimarães

Foi um Dia Mundial do Animal diferente para um gato de Guimarães. O felino decidiu aventurar-se, este domingo, na subida a um poste de alta tensão, na freguesia de Selho São Lourenço, mas, depois de uma subida de quase 30 metros, já não conseguiu descer.

Os donos, conta o Guimarães Digital, do Grupo Santiago, pediram auxílio aos bombeiros, com os operacionais Henrique Freitas e Eusébio Antunes a apresentarem-se no local, cerca das 14:40.

Através da autoescada, os bombeiros conseguiram resgatar o gato, numa operação delicada que teve o olhar atento do tutor do animal.

O gato acabou por pisar terra firme são e salvo, graças à destreza de Henrique e Eusébio.

“Por muitos anos de experiência que um bombeiro tenha, há momentos que consideramos únicos, pela singularidade, pelo perigo e risco do ato em si. Resgatar um animal, numa torre de alta tensão, que se encontra a 30 metros de altura, é sempre motivo de registo. Parabéns á equipa de bombeiros que participou no resgate com sucesso”, escreveu a corporação na página de Facebook.

Este foi já o quarto gato a ser resgatado pela corporação ao longo da última semana.

Continuar a ler

Guimarães

Guimarães é a primeira cidade portuguesa na Declaração Europeia das Cidades Circulares

Ambiente

em

Foto: Divulgação / CM Guimarães

Guimarães tornou-se na primeira cidade portuguesa a assinar a declaração Europeia das Cidades Circulares, reforçando o trabalho que tem vindo a desenvolver na transição da economia linear para circular, anunciou a autarquia.

A par de Guimarães, outras importantes cidades europeias assinaram esta declaração como Ghent, Praga, Copenhaga, Helsínquia, Budapeste, Florença, Oslo, Liubliana e Malmo.

Em comunicado, a autarquia dá conta de que “esta transição contribuirá para criar uma sociedade eficiente em termos de recursos com baixo teor de emissões de carbono e socialmente responsável”.

“Nesse sentido, Guimarães tem já em execução, desde 2016, um plano estratégico para a Economia Circular (G4CE – Guimarães For Circular Economy) que tem sido alvo de reconhecimento nacional e internacional por contribuir para uma gestão eficiente de recursos, com o envolvimento dos cidadãos”, diz a nota.

Com a assinatura da declaração Europeia das Cidades Circulares, Guimarães “reforça o seu caminho, partilhando experiências e criando oportunidades para novas sinergias que contribuam para encarar os novos desafios”, assinalou a vereadora do Ambiente, Sofia Ferreira.

Esta declaração foi desenvolvida por um vasto conjunto de entidades e individualidades, reconhecidas internacionalmente, com o objetivo de garantir que a visão e os compromissos estabelecidos, apesar de ambiciosos, serão alcançáveis através do empenhamento e apoio das cidades.

Continuar a ler

Guimarães

Bate num cruzamento com semáforos em Guimarães e põe-se em fuga

Acidente

em

Foto: Redes Sociais

Um carro terá sido abalroado na VIM de Guimarães, no cruzamento com semáforos junto a Serzedelo, sofrendo danos significativos, durante a madrugada deste domingo.

Nas redes sociais, Ana Guimarães, que ia no Citroen abalroado, denuncia a situação, indicando que a viatura que terá abalroado colocou-se em fuga, não prestando assistência, como manda a lei.

Apesar do aparato da colisão, nenhum dos ocupantes da viatura abalroada sofreu ferimentos, apenas o susto.

Ana Guimarães diz que a viatura que abalroou era uma Renaul Megane de cor preta e que estará amolgada nas portas do lado do condutor.

Qualquer informação sobre alguma carrinha com essas características deve ser dirigida às autoridades policiais de Guimarães.

Continuar a ler

Populares