Seguir o O MINHO

Futebol

Conceição antevê “jogo diferente” com Vitória – e comenta derrota com SC Braga

Final four da Taça da Liga

em

Foto: Divulgação / FC Porto

O treinador do FC Porto disse hoje esperar um “jogo diferente” com o Vitória SC, na meia-final da Taça da Liga de futebol, depois do duelo na I Liga, e aproveitou para desvalorizar as críticas dos adeptos.

Em conferência de imprensa, Sérgio Conceição lembrou que a vitória dos ‘azuis e brancos’, por 3-0, na 4.ª jornada do campeonato, ficou marcada pela expulsão do defesa dos minhotos, Tapsoba, ainda no primeiro minuto de jogo.

“Esse jogo ficou marcado pela expulsão do central no início e o jogo teve uma história diferente. Por isso, dizemos sempre: queremos levar o jogo para onde achamos que nos sentimos mais confortáveis. Depois, cada jogo vai dando dificuldades e momentos diferentes. Temos de estar preparados. Sabemos que temos de ganhar para estar na final, contra um adversário difícil, vamos ter de ser uma equipa forte”, afirmou o treinador dos ‘dragões’.

Pepe, Nakajima e Zé Luís não vão ser opção no FC Porto para o encontro com os vimaranenses, tendo Sérgio Conceição confirmado as baixas do internacional português, do japonês e do cabo-verdiano com uma resposta caricata.

“‘Out, out’. Agora estamos com a mania do ‘out’. Três ‘out’”, afirmou sobre os três jogadores que, na passada segunda-feira, ainda constavam no boletim clínico da equipa.

Sérgio Conceição foi ainda confrontado pelos jornalistas com as críticas que recebeu dos adeptos do FC Porto, após a derrota caseira frente ao SC Braga (1-2) na sexta-feira, e admitiu que estes têm toda a legitimidade para o contestar, mas garantiu que está plenamente concentrado no seu trabalho.

“Não tenho de comentar críticas dos adeptos. Sabe uma coisa: quando cheguei aqui, o FC Porto vinha de quatro anos sem ganhar nada e as expectativas são baixas, baixíssimas. A exigência por si só acaba também por baixar. Quando se consegue levantar o FC Porto, quebrar a hegemonia do Benfica, ganhar um campeonato que foi dos três mais importantes da história do FC Porto, a exigência começa a aumentar”, começou por dizer.

Mesmo assim, o treinador garantiu que convive bem com estas manifestações: “Como gosto deste tipo de pressão, acho que faz parte e não tenho de comentar as reações dos adeptos, muito menos os que falam na imprensa. Vocês é que lhes dão espaço para falar”.

Conceição defendeu que, se comentar estas opiniões, não conseguirá focar-se “no mais importante”, que é trabalhar para ter resultados para os adeptos “baterem palmas”.

“Ganhando batem palmas, se perdermos assobiam e mostram lenços. Os lenços, uso me assoar ou para limpar a transpiração, porque trabalho aqui todos os dias. Isso a mim diz-me pouco. Diz-me muito pouco, porque não tem de influenciar o meu trabalho, mas diz-me muito sobre aquilo que é a insatisfação dos adeptos. Tenho um respeito enorme por toda a massa adepta do FC Porto, há muitos anos, mas isso não pode condicionar aquilo que é o meu trabalho, se não temos de pegar nas malas e ir”, concluiu Sérgio Conceição.

O técnico admitiu, no entanto, que “é sempre mais fácil trabalhar sobre vitórias” e que, por isso, o momento no Dragão não é o melhor.

“É sempre melhor trabalhar em cima de vitórias do que de resultados negativos. Não sou hipócrita para dizer que está tudo bem, que está tudo extremamente feliz. Mas isso faz parte do que é a vida do futebol. Foi um resultado negativo, um jogo ingrato para nós. Mas depois tivemos de fechar a cortina e olhar para o próximo encontro”, concluiu.

O FC Porto joga esta quarta-feira, às 19:45 horas, com o Vitória SC, em jogo das meias-finais da Taça da Liga de futebol, que se realiza no Estádio Municipal de Braga.

Anúncio

Futebol

Ex-árbitro da I Liga reforça estrutura do Vitória SC

Jorge Ferreira

em

Foto: dolhonarbitragem.blogspot.com / DR

O ex-árbitro Jorge Ferreira da Associação de Futebol de Braga irá assumir funções como assessor para assuntos de arbitragem no Vitória SC, anunciou, esta sexta-feira, o jornal O JOGO.

Segundo este jornal, Jorge Ferreira irá exercer a função de consultor e formador de dirigentes e elementos do plantel.

O antigo árbitro não é estranho a este tipo de tarefas, já que, em 2018 realizou um papel semelhante na estrutura do Leixões SC que na altura o apontou para desempenhar o papel de conselheiro da SAD leixonense nas questões relacionadas com a arbitragem.

 

Continuar a ler

Futebol

Vitória quer regressar aos triunfos (e tem um ‘recado’ para o país)

I Liga

em

Foto: DR / Arquivo

O Vitória SC quer regressar hoje às vitórias na I Liga portuguesa de futebol, no jogo inaugural da 22.ª jornada, marcado para as 20:30, frente ao Desportivo das Aves.

Vitória, oitavo, com 28, perdeu na jornada passada na receção ao FC Porto, por 2-1, num encontro marcado pelo abandono do relvado de Marega, na sequência de insultos racistas.

A jogar em casa, o Desportivo das Aves, 18.º e último classificado, com 13 pontos, procura voltar aos triunfos, depois de dois jogos sem vencer.

O Vitória SC pode subir provisoriamente ao sétimo lugar, caso vença o encontro, enquanto os avenses deixam a última posição se somarem os três pontos.

O jogo será o primeiro depois do polémico caso com Marega. Durante a última semana, foram várias as vozes vitorianas que se levantaram contra as acusações de racismo.

Nos últimos dois dias, a cidade acordou com tarjas colocadas por adeptos do clube onde é sublinhado que não se tratou de um caso racista, mas sim de bairrismo.

“É algo que este país não percebe”, disse um dos elementos da claque White Angels, a O MINHO.

O mesmo adepto apoia-se nas palavras de várias glórias, de ascendência africana, que negam a existência de racismo por entre adeptos ou clube.

Todavia, são já várias as entidades que avançaram com queixas, existindo já inquéritos do Ministério Público em curso.

Programa da 22.ª jornada:

– Sexta-feira, 21 fevereiro:

Desportivo das Aves – Vitória SC, 20:30

– Sábado, 22 fevereiro:

Tondela – Rio Ave, 18:00

Belenenses SAD – Marítimo, 20:30

– Domingo, 23 fevereiro:

Paços de Ferreira – Famalicão, 15:00

Moreirense – Santa Clara, 15:00

Sporting – Boavista, 17:30

SC Braga – Vitória de Setúbal, 20:00

FC Porto – Portimonense, 20:30

– Segunda-feira, 24 fevereiro:

Gil Vicente – Benfica, 19:30.

Continuar a ler

Futebol

“Os adeptos do Vitória não são racistas”, diz Tapsoba

“Foi uma incompreensão”

em

Foto: DR

O ex-jogador do Vitória SC, Tapsoba, saiu em defesa dos adeptos vimaranenses depois do episódio de racismo com Marega referindo que estes “não são racistas.”

Atualmente no Bayer Leverkusen, da Alemanha, o defesa central do Burkquina Faso defrontou Marega no jogo contra o FC Porto da última quinta-feira.

Nas entrevistas após o jogo, Tapsoba, mostrou compreensão por ambas as partes afirmando que tudo não passou de um problema de “incompreensão”.

“Os adeptos do Vitória não são racistas. Foi uma incompreensão. O Marega jogou lá. As pessoas fazem tudo para ganhar. Procuram desequilibrar os adversários. Mas, eu não acredito que os adeptos do Vitória sejam racistas. Não falei disso com o Marega no jogo. Mas foi muito feio para o futebol. É importante dizer não ao racismo”, concluiu”.

Continuar a ler

Populares