Seguir o O MINHO

País

Combustíveis podem subir 13 cêntimos

Ataque a refinaria na Arábia Saudita afeta produção de petróleo

em

Foto: DR / Arquivo

Um ataque efetuado a um dos maiores produtores de petróleo do mundo, na Arábia Saudita, colocou os preços do brent em níveis acima da média, tendo já disparado para os 70 dólares por barril de petróleo, algo que tem feito subir combustível em alguns mercados internacionais.

De acordo com o jornal digital ECO, é possível que haja um impacto expressivo nos preços de combustíveis a nível nacional, havendo margem para a subida de vários combustíveis até, pelo menos, 13 cêntimos, como é o caso da gasolina que deverá ser a mais afetada.

O jornal informa que, em Portugal, a subida já ultrapassou os 19% em termos da referência de importação nacional – brent – estando atualmente o preço do barril a 71,95 dólares. Em Londres, o preço fica acima dos 65 dólares por barril enquanto que em Nova Iorque se situa nos 60 dólares.

Da última vez que o preço do barril esteve tão alto em território português, o preço médio da gasolina simples 95 octanas foi de 1,599 euros, enquanto o do gasóleo foi de 1,424 euros, valores que podem ser esperados novamente.

Populares