Seguir o O MINHO

Braga

Comandantes dos bombeiros do distrito de Braga querem ser mais ouvidos

Reunião na Póvoa de Lanhoso

em

Os comandantes José Beleza, António Costa e Bento Marques. Foto: Joaquim Gomes / O MINHO

Os comandantes das corporações de bombeiros do distrito de Braga querem uma participação ativa nas mudanças que se estão a verificar no seu setor e em todo o sistema de proteção civil, segundo revelaram numa reunião realizada na Póvoa de Lanhoso.

José Beleza, comandante dos Bombeiros Voluntários de Barcelinhos e também o responsável do Setor Operacional no Distrito de Braga da Liga dos Bombeiros Portugueses, preconiza “a voz ativa e em uníssono dos comandantes e presidentes de direção”.

Em declarações a O MINHO, José Beleza começou por destacar que “os bombeiros têm evoluído bastante em todos os aspetos, mas é preciso que os poderes, o central e o local, correspondam às necessidades prementes das suas associações humanitárias”.

“Defendemos uma maior intervenção no processo decisivo em curso e temos a vantagem de falarmos a uma só voz, o que vai acontecer nas reuniões, em fevereiro, em Braga e Fafe, com a secretária de Estado da Proteção Civil, Patrícia Gaspar”, afirmou.

Participaram no ato os comandantes de todo o distrito de Braga. Foto: Joaquim Gomes / O MINHO

José Beleza, que é igualmente dirigente da Liga dos Bombeiros Portugueses, adiantou que “vamos dizer-lhe o que pensamos quanto às mudanças em curso, nós queremos ser ouvidos, mas respeitaremos, como sempre, as regras e as leis”.

Mas o mesmo comandante e dirigente dos bombeiros não deixou de salientar que “as coisas estão a mudar todos os dias e tem de haver mais fluído de informação, a começar por nós próprios, para podermos elucidar mais e melhor os decisores políticos”.

“As corporações de bombeiros têm correspondido sempre com qualidade, mas precisam de mais financiamento e apoio para funcionar, porque estão a sentir o aumento do custo de vida, mas querendo continuar no mesmo patamar elevado”, considerou.

José Beleza, o comandante do Sector de Distrital Braga da Liga. Foto: Joaquim Gomes / O MINHO

A postura unânime sintetiza-se naquilo que tem sido já defendido pelo anfitrião, o comandante dos Bombeiros Voluntários da Póvoa de Lanhoso, António Costa, que numa simples frase considera “querermos fazer parte da solução e nunca do problema”.

Na mesa da presidência dos trabalhos, incluindo a sua parte formativa realizada paralelamente, esteve ainda o comandante dos Bombeiros Voluntários de Guimarães, Bento Marques, que é igualmente o mais antigo em funções em todo o distrito de Braga.

Populares