Seguir o O MINHO

Viana do Castelo

Coligação PSD/CDS apresenta candidatura sob o lema “É agora, Viana!”

Eleições autárquicas

em

Foto: Joca Fotógrafos / O MINHO

A coligação PSD/CDS-PP apresentou a candidatura à Câmara de Viana do Castelo com o lema “É agora, Viana!”. Na apresentação da lista, liderada pelo deputado Eduardo Teixeira, foi anunciado que na lista para a Câmara irá Ilda Araújo Novo, em terceiro lugar, Hugo Meira, presidente do CDS-PP para o sétimo lugar, e o vianense Ricardo Ferreira da Silva, engenheiro civil na Porto Vivo, para vereador do Urbanismo.

No que diz respeito às candidaturas para as listas das freguesias, o cabeça de lista da coligação PSD/CDS-PP, Eduardo Teixeira, anunciou “80% do total, 21 das 27 Uniões de Freguesias de Viana”. “As recandidaturas de Freixieiro de Soutelo, Santa Marta de Portuzelo e Lanheses pelo PSD, com os cabeças de lista para presidente de Junta Luís Lourenço; da atual presidente da Assembleia, Alice Antunes e do atual tesoureiro, Luís Grenho, respetivamente”.

Como candidatos às restantes freguesias, Eduardo Teixeira declarou para a “União das Freguesias de Barroselas e Carvoeiro, Carlos Silva; à de Mazarefes e Vila Fria, Nuno Rocha; a Cardielos e Serreleis, Henrique Parente; à vila de Alvarães, Mário Quintas; a Vila Franca do Lima, Filipe Pires; a Vila Nova de Anha, José Fontainhas; a Afife, Alexandrina Alves Castro; a Carreço, o Daniel Gonçalves; na Areosa, o Sérgio Pinto; em Chafé, o Armando Costa; em Castelo do Neiva, António Balinha; em São Romão do Neiva, Faustino Correia; em Mujães, Rui Palma; em Perre, Eduardo Ferreira; Outeiro, José Aires e em Amonde, Nuno André Queiroz”. Em relação à União de Freguesias da cidade, Eduardo Teixeira apresentou “os primeiros cabeças de lista de cada uma das três freguesias: Tiago Oliveira, em Santa Maria Maior; Ricardo Forte, em Monserrate e António Pinto da Cunha, na Meadela”.

Foto: Joca Fotógrafos / O MINHO


Foto: Joca Fotógrafos / O MINHO

Foto: Joca Fotógrafos / O MINHO

Foto: Joca Fotógrafos / O MINHO

Foto: Joca Fotógrafos / O MINHO

Também presente nesta apresentação da coligação PSD/CDS-PP esteve Carlos Pires, candidato com lista independente para a freguesia de São Lourenço da Montaria, que também conta com o apoio do PSD. Eduardo Teixeira referiu que apresentará projetos a todas as outras que ainda anunciará, “sendo uma candidatura a 100% a todas as freguesias”.

“Por amor às gentes de Viana quero lançar-vos o desafio de não temerem a mudança. Estarei ao vosso lado como líder presente, próximo e determinado que irá conduzir Viana através de um rumo novo”, sublinhou o candidato à Câmara de Viana, Eduardo Teixeira.

O líder da concelhia social-democrata recordou ter votado a favor, no Parlamento, para a “extinção da ADAM e pela municipalização das águas em Viana do Castelo” e que o processo se tornou “tanto danoso, quanto penoso para a população”. No que toca à manutenção dos Estaleiros Navais de Viana do Castelo, o cabeça de lista lembrou o desafio que lançou “ao investimento privado em Viana e que foi imediatamente abraçado”.

Eduardo Teixeira disse ainda que lamentou que existam “ainda milhares de pessoas de tantas freguesias que ainda não estejam ligadas ao saneamento básico ou que não tenham água pública, em pleno século XXI”.

“Quem gosta nem sempre vem”, disse o candidato à Câmara. “E não vem porque não dá para acreditar na política de mobilidade à cidade e a Santa Luzia, bem como na política de estacionamento que afasta as pessoas, prejudicando o comércio tradicional e quem se tem que deslocar em trabalho, no acesso a serviços ou em lazer”. Eduardo Teixeira apelou também à “estratégia de fixação e incentivo aos mais jovens”. “É preciso apostar em oportunidades, uma aposta na empregabilidade, no empreendedorismo, na articulação de ideias novas para debate com os mais experientes”, sublinhou.

“Defendo uma requalificação ambiental (…), a criação de corredores florestais de espécies autóctones, a acompanhar estradas florestais no Monte de Santa Luzia (…). Precisamos investir na frente ribeirinha e na doca dos pescadores, totalmente esquecidos pelo atual executivo. É fundamental lançar o terminal de cruzeiros para potenciar o turismo na cidade. (…) A cidade precisa de um Museu sobre o Porto de Mar e a pesca do bacalhau. (…) É prioritário um núcleo ativo de artes tradicionais que promova as mesmas de forma expositiva e que potencie a sua comercialização”, acrescentou.

Eduardo Teixeira afirma que tem “ideias claras para traçar o futuro. Viana do Castelo precisa de uma liderança forte, numa atitude comprometida com a resolução dos problemas dos vianenses”.

Para Ilda Araújo Novo, vice-presidente da concelhia do CDS, algumas das razões que levaram a esta coligação foram “a intenção de apoiar associações, de se facilitar a vida às empresas e aos investidores, agilizar procedimentos e garantir sustentação às famílias mais fragilizadas e aos idosos; fomentar a natalidade, num concelho em que a população residente diminui progressivamente”.

Adão Silva, presidente do Grupo Parlamentar do PSD, declarou que “um autarca é fundamentalmente alguém que arregaça as mangas, que se propõe trabalhar de uma forma generosa, de uma forma altruísta aqui com a população da sua terra e obviamente que percebe-se que o Eduardo Teixeira é a pessoa que preenche estes requisitos”.

Populares