Seguir o O MINHO

Região

CIM do Cávado rejeita competências na Educação e na Saúde em 2021

Por serem matérias que requerem “preparação cuidadosa”

em

Foto: DR

A Comunidade Intermunicipal (CIM) do Cávado decidiu hoje não aceitar a transferência de competências, em 2021, nas áreas da Educação e da Saúde, por considerar que são matérias que requerem “preparação cuidadosa” e “capacitação e financiamento substancial”.

A decisão foi tomada pela Assembleia Intermunicipal do Cávado, em que também foram aprovados, por maioria, com seis abstenções, as Grandes Opções do Plano e o Orçamento de 2021, no valor de 3,2 milhões de euros.

A Assembleia ficou ainda marcada pela eleição de Rafael Amorim como novo secretário executivo da CIM, em substituição de Luís Macedo, que sai por motivo de aposentação.

Foi eleito com 22 votos a favor e quatro em branco.

Rafael Amorim, advogado, trabalhou na Inspeção-Geral de Finanças e na Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte, tendo ainda sido chefe de gabinete de apoio à presidência na Câmara de Gondomar, entre 2007 e 2010.

É, desde 2012, formador e consultor em Contratação Pública, Urbanismo, Autarquias Locais, Recursos Humanos na Administração Pública, Financiamento da União Europeia e Igualdade de Género.

A CIM do Cávado é constituída pelos municípios de Braga, Barcelos, Esposende, Amares, Vila Verde e Terras de Bouro.

Segundo o Plano de Atividades para 2021, agora aprovado, o dossiê dos programas comunitários é assumido como sendo “o mais importante e mais problemático”.

A CIM, sublinha o documento, será confrontada, já no início do próximo ano, com “três programas comunitários distintos”, designadamente o fecho do atual quadro 2013-2020, o Programa de Recuperação e Resiliência e o quadro 2021-2027.

Outros dossiês “de grande relevância” para 2021 são os dos transportes, transição energética, alterações climáticas, formação, social, coesão territorial e turismo.

Destaque para a ecovia que vai ligar Esposende a Terras de Bouro, um projeto que já está em andamento.

Região

Marcelo com 291.554 votos no Minho. Ana Gomes com 55.128 e Ventura com 49.458

Eleições presidenciais 2021

Resultados no distrito de Viana do Castelo. Fonte: MAI

Marcelo Rebelo de Sousa foi o claro vencedor das eleições presidenciais que decorreram este domingo, não só em todo o país, mas também no Minho. O ‘professor’ reeleito obteve 56.937 votos no distrito de Viana e 234.617 no de Braga, totalizando 291.554.

Segue-se uma luta ‘renhida’ entre Ana Gomes e André Ventura, com o segundo lugar a ‘sorrir’ à embaixadora socialista. Ana Gomes obteve 44.780 dos votos no distrito de Braga e 10.348 no de Viana, totalizando 55.128.

Já André Ventura conseguiu 10.177 votos no distrito de Viana e 39.281 no de Braga, totalizando 49.458.

Em quarto lugar, uma surpresa (ou talvez não). Vitorino Silva ‘conquistou’ 13.622 votos no distrito de Braga e 3.583 no distrito de Viana, totalizando 17.205.

Resultados no círculo eleitoral do distrito de Braga

Freguesias apuradas: 347

Freguesias por apurar: 0

Concelhos apurados: 14

Concelhos por apurar: 0

Percentagem dos candidatos

Marcelo Rebelo de Sousa 63,93%

Ana Gomes 12,20%

André Ventura 10,70%

Vitorino Silva 3,71%

Marisa Matias 3,43%

Tiago Mayan Gonçalves 3,25%

João Ferreira 2,78%

Outros dados das eleições Presidenciais 2021 no círculo de Braga

Inscritos: 776.394

% Votos brancos: 1,62%

% Votos nulos: 0,95%

% Votantes: 48,52%

% Abstenção: 51,48%

Resultados no círculo eleitoral do distrito de Braga

Freguesias apuradas: 208

Freguesias por apurar: 0

Concelhos apurados: 10

Concelhos por apurar: 0

Percentagem dos candidatos

Marcelo Rebelo de Sousa 63,66%

Ana Gomes 11,57%

André Ventura 11,38%

Vitorino Silva 4,01%

Marisa Matias 3,69%

João Ferreira 3,19%

Tiago Mayan Gonçalves 2,51%

Outros dados das eleições Presidenciais 2021 no círculo de Viana

Inscritos: 237.890

% Votos brancos: 1,39%

% Votos nulos: 0,93%

% Votantes: 38,49%

% Abstenção: 61,51%

Continuar a ler

Alto Minho

Marcelo vence em Ponte de Lima. André Ventura em segundo (e Vitorino Silva em quarto)

Eleições presidenciais 2021

Já está fechada a contagem dos votos em Ponte de Lima, apontando uma vitória expressiva a Marcelo Rebelo de Sousa. André Ventura surge em segundo lugar, seguindo-se Ana Gomes. Vitorino Silva é quarto.

No concelho de Ponte de Lima, Marcelo Rebelo de Sousa conquistou o primeiro lugar colhendo 11.696 votos, André Ventura, em segundo, obteve 1.996 votos, seguido por Ana Gomes, com 1.478.

Vitorino Silva ocupa o quarto lugar, com 703 votos, Marisa Matias ficou em quinto, com 577 votos, Tiago Mayan em sexto, com 432 votos, e João Ferreira, por último, com 423 votos.

Continuar a ler

Ave

Marcelo vence em Famalicão com 64%. Ana Gomes com 12,5% e Ventura com 9,8%

Eleições presidenciais 2021

Já está fechada a contagem dos votos no concelho de Famalicão, apontando uma vitória expressiva a Marcelo Rebelo de Sousa. Ana Gomes surge em segundo lugar, seguindo-se André Ventura. Vitorino Silva é quarto.

Fonte: MAI

No concelho de Famalicão, Marcelo Rebelo de Sousa conquistou o primeiro lugar colhendo 37.678 votos, Ana Gomes, em segundo, com 7.285 votos, seguida por André Ventura, com 5.711.

Vitorino Silva fica em quarto, com 2.225 votos, Marisa Matias em quinto, com 1.934, Tiago Mayan em sexto, com 1.920, e João Ferreira, por último, com 1.408.

Continuar a ler

Populares