Chega fecha campanha em Viana a pensar em vitória no domingo

Eleições europeias
Foto: Joca Fotógrafos / O MINHO

O líder do Chega fez hoje um derradeiro apelo ao voto para as europeias de domingo e disse que o partido se apresenta às eleições para ganhar e não para “ficar em segundo ou terceiro”.

“Quero pedir que ninguém fique em casa no domingo. Domingo tem de ser o nosso dia”, afirmou André Ventura no comício de encerramento da campanha, em Viana do Castelo.

O presidente do Chega disse que o partido apresenta-se a estas eleições europeias “não para ficar em segundo ou terceiro”, mas sim para as vencer.

“Nós vamos ganhar estas eleições”, apontou, insistindo que para o Chega ter “uma vitória no domingo” é preciso “levar toda, toda, toda a gente a votar”.

Discursando imediatamente antes, o cabeça de lista do Chega disse criticou os adversários e disse não perceber o que os move.

O antigo embaixador disse que durante a sua carreira enquanto diplomata não viu “nenhum dos candidatos aparecer, negociar um acordo, conferenciar com outros países”, e contrapôs que esteve “40 e tal anos no estrangeiro a defender Portugal e os portugueses”.

“Foi a minha missão. Ser diplomata é como ser padre, é uma missão”, defendeu.

António Tânger Corrêa afirmou também que não tinha necessariamente de ser candidato às europeias, mas que aceitou o convite porque o presidente do partido lhe pediu mas também “por Portugal e pelos portugueses”.

Falando na imigração, o primeiro candidato do Chega ao Parlamento Europeu considerou que o “que está a acontecer é uma substituição da população”.

Em Portugal, as eleições europeias realizam-se domingo e serão disputadas por 17 partidos e coligações: AD, PS, Chega, IL, BE, CDU, Livre, PAN, ADN, MAS, Ergue-te, Nova Direita, Volt Portugal, RIR, Nós Cidadãos, MPT e PTP. Serão eleitos 21 deputados.

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

Braga vai requalificar Pavilhão Flávio Sá Leite

Próximo Artigo

Impressionante relâmpago assusta em Caminha

Artigos Relacionados
x