Seguir o O MINHO

Alto Minho

Chefe do Hotel Rali venceu prémio “Portugal Sou Eu”

em

“Pezinhos de Coentrada”, “Sopa de Bacalhau de Conselheiro”, “Pica no Chão” e “Ajardineirada de Vitela” consagram Rui Martins, chefe do Hotel Rali, de Viana do Castelo, como vencedor do Troféu Portugal Sou Eu, organizado pela Edições do Gosto para a Confederação dos Agricultores de Portugal.

Um petisco, uma sopa, um prato de cozinha regional e um prato contemporâneo que obrigatoriamente destaquem a valorização do receituário e da cozinha portuguesa, a apresentação e empratamento, o sabor e aroma e a inovação e técnica aplicada foram os desafios colocados pela organização aos concorrentes do Troféu Portugal Sou Eu.

Trata-se de uma iniciativa inédita no panorama da gastronomia nacional, no âmbito do projeto “Portugal Sou Eu”, que assinala, no Dia de Portugal o expoente máximo do produto exclusivamente português, ao qual se junta a aplicação dos modelos de confeção das cozinhas regionais e da cozinha contemporânea.

A estes desafios, Rui Martins respondeu apresentando “Pezinhos de Coentrada” (petisco), “Sopa de Bacalhau do Conselheiro” (sopa), “Pica no Chão” (cozinha regional) e “Uma Ajardineirada de Vitela” (cozinha contemporânea), as quais, na opinião do painel de júri, são uma clara afirmação do Portugal verdadeiro, dos produtos, das técnicas que vincam a singularidade da gastronomia nacional.

“Nós os cinco somos todos amigos e o que aqui viemos fazer foi cozinhar em prol da nossa gastronomia. Estou radiante. É o cumprir de um desafio e de uma meta. O trabalho é contínuo”, comentou Rui Martins, no momento da consagração, não esquecendo os outros concorrentes.

Populares