Seguir o O MINHO

Ave

Chef do FC Porto quer valorizar a história e origens gastronómicas de Famalicão

Álvaro Costa assumiu direção da cozinha experimental da Praça

em

Foto: Divulgação / CM Famalicão

O Chef Álvaro Costa assumiu no último sábado a direção da cozinha experimental da Praça – Mercado Municipal de Famalicão.

A passagem da jaleca de Lígia Santos para Álvaro Costa, decorreu durante a realização de um ‘showcooking’ dedicado ao coelho e às hortícolas da época, presença habitual na mesa dos famalicenses.

Em 2021, a Lígia Santos foi a primeira chef a assumir a direção anual da cozinha experimental do novo Mercado Municipal de Famalicão. Assume este ano o cargo o chef Álvaro Costa, que, em 2023, passará o testemunho ao Chef Renato Cunha.

“Somos conhecidos como um concelho em que se come bem”, destaca o Chef Álvaro Costa, citado em comunicado da autarquia. “Se convencer uma pessoa a vir (comer) a Famalicão, serei um homem feliz”, afirma.

“Famalicense convicto”, como o próprio se define, Álvaro Costa pretende utilizar o seu ano como curador da Cozinha Experimental da Praça para “cozinhar com a nossa história e origens, respeitando a sazonalidade dos produtos, o microcircuito de vida de cada produto (…) e tirar o máximo de partido deles”, tendo como referência, “a história e comportamentos à mesa, dos famalicenses”.

Foto: Divulgação / CM Famalicão


Álvaro Costa desenvolve, atualmente, a função de Chef executivo na equipa principal do F.C. Porto, e possui um projeto ligado a consultoria e apoio ao desenvolvimento gastronómico na área da hotelaria, restauração e indústria alimentar. Participa regularmente em eventos ligados à gastronomia e enologia, como orador, e leciona, como formador externo, na Escola de Hotelaria e Turismo de Viana do Castelo.

A Cozinha Experimental da Praça é um espaço dedicado à promoção de workshops, degustações, showcookings, entre outras iniciativas, servindo como uma ferramenta para uma programação gastronómica atrativa, constituindo um lugar de experimentação e aprendizagem, no qual se valoriza a missão do Mercado Municipal, não só como um espaço de negócios (mercado de trocas), mas também como um local de sociabilização (mercado de encontros), que incentiva aprendizagens abertas e transversais (mercado de saberes).

O programa ‘Chef Residente’ consiste numa colaboração ao longo de um ano com um chef de renome da região, com uma ligação profunda à sua gastronomia e ao território famalicense, que fará o acompanhamento e consultoria na programação anual do Mercado Municipal de Famalicão, sendo o principal rosto do programa de animação e o curador principal.

Populares