Seguir o O MINHO

Póvoa de Lanhoso

Castelo da Póvoa de Lanhoso com recorde de visitantes estrangeiros

O Castelo de Lanhoso está erigido no topo do Monte do Pilar, o maior monólito granítico do país.

em

Foto: Divulgação

O Castelo de Lanhoso, monumento nacional e ex-libris da Póvoa de Lanhoso, recebeu, em 2018, perto de 1.600 visitantes estrangeiros no interior da torre de menagem, um número recorde naquele espaço. Numa nota enviada a O MINHO, a autarquia refere que Espanha e Brasil lideraram os países de origem destes turistas.

Ao longo do ano, o Castelo de Lanhoso recebeu um total de cerca de 13.400 visitantes.

No que toca a visitantes nacionais, o número aproximou-se dos 12 mil, a maioria dos quais provenientes dos distritos do Porto e de Braga, mas tendo-se registado um aumento do número de excursões vindas do Algarve e do Alentejo.

O ano de 2018 fica também marcado por ter sido aquele em que mais crianças estiveram naquele espaço, quer em família, quer em visitas escolares.

“Este aumento decorre, por um lado, do aumento de visitas de famílias numerosas, registado em 2018, mas também do trabalho de articulação que o Município da Póvoa de Lanhoso tem vindo a realizar de forma sistemática com as escolas, de dentro e de fora do concelho, de modo a dar a conhecer, desde os primeiros anos de vida, este importante elemento do património e da história locais”, é explicado naquela nota.

As pessoas maiores de 65 anos também foram visita habitual no Castelo de Lanhoso, tendo, no ano passado, ultrapassado pela primeira vez a barreira dos 2 mil visitantes.

Outros dados curiosos, avançados pelo Município de Póvoa de Lanhoso: é ao domingo que a torre de menagem do Castelo recebe mais visitas; o dia 20 de maio, data da peregrinação arciprestal ao Pilar, 632 pessoas visitaram o local, o máximo diário, em 2018.

Os dados registados reportam-se apenas às visitas ao interior da Torre de Menagem do Castelo de Lanhoso, “sendo que número seguramente mais elevado é o das pessoas que visitam as muralhas do Castelo, implantadas sobre o maior monólito granítico do país”.

Anúncio

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem O MINHO, jornal estritamente digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O MINHO é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Inspirados na filosofia seguida pelo jornal inglês "The Guardian", um dos mais importantes órgãos de comunicação do Mundo, também nós achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler O MINHO, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar O Minho - e só demora um minuto. Obrigado.

Póvoa de Lanhoso

Três feridos em acidente na Póvoa de Lanhoso

Na freguesia de Fontarcada

em

Foto: Paulo Jorge Magalhães/O MINHO

Um acidente que envolveu uma carrinha de nove lugares em Simães, freguesia de Fontarcada, concelho de Póvoa de Lanhoso, causou três feridos ligeiros na tarde desta quinta-feira.

As vítimas do despiste foram transportadas para o Hospital de Braga. O alerta foi dado pelas 17:35.

No local estão os Bombeiros da Póvoa de Lanhoso e a GNR tomou conta da ocorrência.

Continuar a ler

Braga

Motorista agredido por passageiro que adormeceu no autocarro

Jovem que seguia na carreira Braga-Fafe queria sair na Póvoa de Lanhoso

em

Foto: DR

Um motorista da Arriva foi agredido por um passageiro e teve de receber assistência hospitalar, esta quarta-feira, no final da carreira entre Braga e Fafe.

O agressor, um jovem com 22 anos, pretendia sair na Póvoa de Lanhoso e, segundo escreve o Guimarães Digital, acabou por agredir o condutor daquela empresa de autocarros, com sede em Guimarães, quando este o acordou na Central de Camionagem de Fafe.

A vítima, com cerca de 60 anos, foi assistida pelos Bombeiros Voluntários de Fafe e levada ao hospital da cidade.

A GNR registou a ocorrência.

Continuar a ler

Póvoa de Lanhoso

Destacamento Territorial da Póvoa de Lanhoso assinala aniversário da GNR

Semana aberta com demonstração de meios, exposições e visionamento de vídeos

em

Foto: Divulgação

O Destacamento Territorial da Póvoa de Lanhoso, através da sua Secção de Prevenção Criminal e Policiamento Comunitário (SPC), organiza, a partir de hoje e até 10 de maio, uma “Semana aberta – Comemorações do dia da Guarda Nacional Republicana”, integrada no programa oficial das comemorações do aniversário da GNR em 2019.

Esta iniciativa decorre nas instalações daquela força de segurança, na Póvoa de Lanhoso.

Uma exposição de material e meios auto poderá ser vista pela comunidade escolar e não só, durante a semana, num local preparado para o efeito. Há ainda uma exposição de miniaturas criadas por um militar em serviço no Destacamento Territorial da Póvoa de Lanhoso, o Cabo João Moreira, alusivas à atividade diária desenvolvida pela Guarda e pelos seus militares.

A mascote “Guarda Natureza” e a Unidade Móvel da CIM do Ave para visionamento dos vídeos da raposa TOCAS, serão outras presenças constantes. Pontualmente, haverá demonstrações cinotécnicas.

Nas visitas agendadas será criado um circuito interativo para as crianças percorrerem, com os meios elencados, pretendendo-se com “esta iniciativa divulgar os programas especiais desenvolvidos pela GNR, possibilitando a passagem de informação e sensibilização da missão da SPC; promover o contacto próximo com a comunidade local, possibilitando uma aproximação maior da GNR; e dinamizar a vertente preventiva e pró-ativa da GNR junto dos mais novos”, dizem os organizadores, em comunicado

A semana aberta pretende ainda “difundir a imagem da GNR junto da comunidade, promovendo-a de uma forma diferente e mais apelativa aos mais novos” e ao mesmo tempo “pretende demonstrar uma Guarda mais aberta ao cidadão, sempre pronta a recebê-lo, neste caso, através de uma exposição demonstrativa do dia-a-dia dos seus militares, num espaço cultural, criado pela primeira vez no posto da GNR da Póvoa de Lanhoso”.

Continuar a ler

EM FOCO

Anúncio

ÚLTIMAS

Vamos Ajudar?

Reportagens da Semana

Populares