Seguir o O MINHO

Futebol

Carvalhal garante SC Braga na máxima força na Grécia

Liga Europa

em

Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO

O treinador Carlos Carvalhal garantiu hoje um SC Braga no máximo das suas capacidades no campo do AEK Atenas, onde uma vitória garante a passagem à fase seguinte da Liga Europa de futebol.

O Braga, que bateu o AEK Atenas por 3-0, em casa, na segunda jornada do grupo G, joga na quinta-feira no campo dos gregos a quinta ronda e, na antevisão da partida, o técnico disse esperar um “jogo difícil”, mas assegura que a sua equipa estará “à altura das responsabilidades”.

“Não tememos nada, respeitamos, sim, o adversário, é uma equipa boa, tem um bom treinador, uma boa organização, e está a lutar fortemente pelo título esta época. Não esperamos facilidades. Sabemos das dificuldades que o AEK criou ao Leicester em casa [perdeu por 2-1], o resultado com o Zorya [na última jornada, derrota caseira por 3-0] é muito enganador, golearam o Zorya fora [4-1]. Temos 100 por cento de respeito, zero por cento de medo”, frisou.

O técnico dos minhotos garantiu ainda que o Braga vai apresentar-se na máxima força e deu o exemplo do recente jogo com o Trofense, da terceira eliminatória da Taça de Portugal.

“Se fomos para a Trofa com tudo, no máximo das nossas capacidades, um jogo da Taça, contra uma equipa [equivalente] da III divisão e tivemos muitas dificuldades em ganhar [1-0], contra o AEK temos que ir a top, de outra forma não faz sentido”, afirmou.

O treinador do AEK, Massimo Carrera, admitiu fazer algumas poupanças tendo em conta o jogo de domingo do campeonato grego, mas para Carlos Carvalhal, independentemente da troca de “um ou outro jogador”, “é sempre o Braga ou o AEK que vai jogar”.

“Tenho dois jogadores por posição, todos com a mesma competência, nunca meto a segunda equipa, mas os jogadores do Braga a jogar. A gestão que tem que ser feita num ciclo destes, nossa, do AEK, do Benfica, FC Porto, etc., é um imperativo, mas as equipas, em todos os jogos, apresentam-se na máxima força para jogar, uma máxima força relativa: naquele jogo, aqueles jogadores são os que os treinadores entendem serem os melhores para vencerem, é isso que acredito que o AEK vai fazer e eu também”, disse.

Por seu lado, Sequeira assegurou que a equipa vai abordar o jogo com os gregos como sempre faz, “o Trofense como este, o Leicester como os jogos para o campeonato: em qualquer campo, seja onde for, tentar vencer e dar o nosso melhor”.

O Braga vem de uma vitória difícil sobre o Farense (1-0), no domingo e, antes, de um empate caseiro com o Leicester (3-3), para a Liga Europa.

“Foram dois jogos distintos, mas dois resultados que nos trazem confiança para abordarmos agora o AEK. Vamos ter um Braga dentro do que tem feito, a entrar para vencer”, reforçou o lateral esquerdo, de 30 anos.

SC Braga, segundo classificado do grupo G, com sete pontos, e AEK Atenas, terceiro, com três, defrontam-se a partir das 17:55 de quinta-feira, no Estádio Olímpico de Atenas “Spyros Louis”, na Grécia, jogo que será arbitrado pelo búlgaro Georgi Kabakov.

Populares