Seguir o O MINHO

Região

Carlão apresenta projeto pedagógico de promoção da interculturalidade em Braga

em

Foto: Divulgação

Nesta terça-feira, 24 de outubro, é comemorado o Dia das Nações Unidas. Para assinalar esta data o município de Braga recebe o projeto pedagógico “Livres e Iguais” do músico Carlão em parceria com a empresa Betweien no Museu D. Diogo de Sousa, pelas 10:30.

“Livres e Iguais” é um projeto pedagógico de promoção da interculturalidade, direcionado para os alunos e as alunas do 3.º ciclo do Ensino Básico e Ensino Secundário e trabalha, com o propósito de sensibilizar e acabar com qualquer tipo de discriminação, fundada no princípio da ignorância e do ódio, que bloqueie a construção de uma sociedade intercultural.

O livro, aborda a questão do racismo, da discriminação étnica e da xenofobia, dotando os leitores do conhecimento e das ferramentas de que necessitam para combater, em si e naqueles que os rodeiam, atitudes e comportamentos discriminatórios.

Num modelo de apresentação específico, as escolas e outras instituições educativas poderão também receber uma peça de teatro, que será a adaptação das narrativas do livro ao teatro.

Filho de pais cabo-verdianos, Carlos Nobre Neves nasceu em Angola, tendo viajado para Portugal no mesmo ano do seu nascimento, 1975. Entre 1993 e 2009, sob o pseudónimo “Pacman”, foi um dos vocalistas e o principal letrista dos “Da Weasel”.

Após o término dos “Da Weasel”, em 2010 e 2011, gravou dois discos com a banda trash/hardcore “Os Dias De Raiva”.

No final de 2013, entra em estúdio com Fred Ferreira e Regula, e, sob o seu nome de sempre – Carlão – grava o disco “5-30”, que é editado em 2014 e marca um regresso a sonoridades mais próximas do Hip-Hop e daquilo que tinha feito com os “Da Weasel”, devolvendo, simultaneamente, a sua voz ao circuito de concertos em palcos grandes.

Populares