Seguir o O MINHO

Braga

‘Cantador’ de Vila Verde testa positivo à covid-19

Covid-19

em

Foto: Facebook

Pedro Malheiro, conhecido ‘cantador’ de desgarradas, testou positivo à covid-19, confirmou o próprio a O MINHO. O cantor de Vila Verde terá sido contagiado num surto que eclodiu ao longo da última semana naquele concelho, envolvendo, pelo menos, mais sete casos positivos.

Em conversa telefónica com O MINHO, Malheiro afirma não ter qualquer sintoma típico da doença, mas confirma que a esposa, que também testou positivo, perdeu o paladar e o olfacto e sente dores no corpo.

Pedro Malheiro explica que as infeções foram contraídas em contexto familiar, uma vez que a sogra e o companheiro também testaram positivo. A sogra é proprietária de um restaurante onde existem, pelo menos, quatro casos positivos confirmados com o novo coronavírus, por entre o staff. Para já, não existem clientes infetados.

Agora, para passar o tempo, o ‘cantador’ dedica-se ao fabrico manual de trelas para cães de caça, uma vez que não sente ‘apetite’ por escrever novas quadras. “Agora só faço trelas para cães e atendo o telefone, é muita gente a perguntar se é verdade que estou de quarentena”, sublinha.

“Eu não tenho nada, a máquina deve estar avariada, mas pronto, é a vida”, atira com o bom humor que lhe é característico. “Custa-me estar em casa, nunca me dei fechado e agora sinto que estou preso”, lamenta.

O também fiscal na Câmara de Vila Verde ia de férias na próxima segunda-feira e já tinha a estadia paga. “Fiquei sem o dinheiro, agora não há hipótese de conseguir devolução. Foi um ano para esquecer”, vinca o cantor.

Os distritos de Braga e Viana do Castelo somam mais 90 infeções provocadas pelo novo coronavírus desde a passada segunda-feira, de acordo com os dados semanais divulgados pela Direção-Geral da Saúde (DGS).

O distrito de Braga é o que conta com o maior aumento, registando 78 novos infetados com o vírus SARS CoV-2, que provoca a doença da covid-19.

Em Vila Verde, existiam sete casos ativos, segundo apurou O MINHO junto de fonte local, mas o número terá já ‘dobrado’ após o surto que também afetou Pedro Malheiro.

EM FOCO

Populares