Seguir o O MINHO

Braga

Caminhar por trilhos de lobos nas terras altas de Vila Verde

Trilho Fojo do Lobo

em

Foto: Nuno Mendes / Arquivo

O próximo domingo vai ficar marcado por uma caminhada nas terras altas de Vila Verde, em trilhos de lobos, com organização da Associação de Desenvolvimento das Terras Altas do Homem, Cávado e Ave (ATAHCA), apoiada pelo Município de Vila Verde. O evento dura três horas e tem percurso circular de dez quilómetros.

O trilho do fojo do lobo, como é chamado, percorre zonas rurais e quase inóspitas de Aboim da Nóbrega e Gondomar, desde o Parque de Campismo, onde o zelador é também o guia desta caminhada, até ao local onde os lobos eram encurralados pelos populares, quando desconfiavam de ataques daqueles animais ao gado doméstico.

Fonte: ATAHCA

Em alguns dos locais por onde o trilho atravessa já foram avistados lobos recentemente, algo que será difícil de atingir quando caminhando em grupo, dada a enorme perspicácia dos canídeos, que raramente se mostram, e quando o fazem, geralmente é porque assim o permitem. De acordo com a CIBIO, nesta zona, e numa área de mais de 35 quilómetros, habita uma das últimas alcateias do Minho.

Foto: Nuno Mendes / Arquivo

Foto: Nuno Mendes / Arquivo

Foto: Nuno Mendes / Arquivo

Foto: Nuno Mendes / Arquivo

Foto: Nuno Mendes / Arquivo

Foto: Nuno Mendes / Arquivo

Foto: Nuno Mendes / Arquivo

Foto: Nuno Mendes / Arquivo

Foto: Nuno Mendes / Arquivo

Outro destaque nesta viagem passa pela pequena aldeia de Bezeguimbra, uma localidade erma nas encostas de Mixões da Serra, com uma população diminuta e uma capela moderna que destoa com as casas antigas de pedra que encantam quem por lá passa.

Aldeia de Bezeguimbra. Foto: Divulgação

Aldeia de Bezeguimbra. Foto: Divulgação

Para participar nesta caminhada gratuita pode inscrever-se através [email protected] ou pelo telemóvel 913936566.

Populares