Seguir o O MINHO

Região

Câmaras disponibilizam serviços de recolha de “monstros domésticos”

Dia Mundial do Ambiente

em

Foto: CM Barcelos

Precisa de livrar-se de colchões, sofás, armários, máquinas de lavar, televisores ou outros objetos de grandes dimensões de difícil transporte e que não podem ser depositados nos contentores de lixo comum ou ecopontos?

Então, informe-se junto da sua autarquia, pois é provável que esta tenha um serviço para recolha destes “monstros domésticos”.

É o caso das quatro maiores câmaras do distrito de Braga, que recolhem este tipo de resíduos de forma gratuita e cómoda para o munícipe.

Em Braga, a empresa AGERE retomou esta semana o agendamento do serviço de recolha de “monstros”, que esteve desativado por causa da pandemia.

Só precisa de ligar aos serviços de apoio ao cliente – 253 205 000 ou 808 205 000 – e marcar data e local para a recolha.

Em Barcelos, o serviço de recolha encontra-se, ainda, temporariamente suspenso, devido à pandemia, mas esta semana o município anunciou que já está a receber, novamente, este tipo de resíduo.

Ou seja, nesta fase, são os próprios munícipes a fazerem a entrega, entre as 08:30 e as 17:00 de segunda a sexta-feira, no parque de viaturas municipal, em Vila Boa. Mas a câmara assegura que a recolha ao domicílio “passará a ser feita logo que existam condições”.

O agendamento é feito através do e-mail [email protected] ou da página do município no link “A minha rua”.

Em Guimarães, os munícipes têm duas opções: levar estes resíduos diretamente aos ecocentros existentes no concelho ou entrar em contacto com a câmara, para ser acordada a data e local de recolha, com pelo menos 7 dias de antecedência.

O município vimaranense, aconselha, no seu site, os cidadãos a contactarem as respetivas juntas de freguesia, uma vez que a autarquia programa com estas, anualmente, datas para a remoção deste tipo de resíduos. Acrescenta, ainda, que semanalmente são programados dias de recolha para áreas específicas.

Em Famalicão, os munícipes podem ligar para o número verde – 800 29 28 27 – para solicitar gratuitamente este serviço de recolha de eletrodomésticos e outros objetos de grande dimensão que não podem ser recolhidos pelos meios normais.

Destaque-se que estes serviços são disponibilizados por estas autarquias sem custos para os munícipes.

Portanto, se precisa de se livrar de um frigorífico ou um sofá, pode informar-se junto da sua câmara se os serviços municipais podem fazer a recolha desses “monstros domésticos”. O ambiente agradece.

Populares