Seguir o O MINHO

Terras de Bouro

Câmara e Junta pedem a saída do padre da Vila do Gerês

em

Foto: DR/Arquivo

A Câmara de Terras de Bouro e a Junta de Freguesia de Vilar da Veiga pediram, esta terça-feira, a saída do pároco da Vila do Gerês, Marcelo Correia.

Os autarcas e a população reclamam da atitude do pároco durante as comemorações do “Gerês Vila”, no último sábado, quando Marcelo Correia fechou as portas da Capela Santa Eufémia e não celebrou a missa.

“Fomos marginalizados pelo senhor padre. Fomos impedidos de entrar na capela como se fôssemos um grupo de bandidos”, disse António Príncipe, presidente da Junta de Vila da Veiga, ao “Correio da Manhã”.

Príncipe disse que podem existir “motivações políticas” na atitude de Marcelo Correia, que é o pároco de Vilar da Veiga desde 2004.

A comunicação social não está a conseguir entrar em contato com o pároco.

Populares