Seguir o O MINHO

Região

Câmara de Terras de Bouro sorteia cavalos errantes

Animais recolhidos na via pública

em

Foto: DR

A Câmara de Terras de Bouro vai sortear, na próxima quarta-feira, três cavalos errantes que foram recolhidos da via pública na freguesia de Vilar da Veiga, anunciou hoje o município.

Em edital, o município refere que os animais foram recolhidos no sábado e estão alojados no Centro Interpretativo do Garrano, tendo os proprietários até terça-feira para procederem ao respectivo resgate.

Se o não fizerem, os animais serão leiloados e entregues a quem demonstrar ter condições adequadas para o seu alojamento e maneio.

Anúncio

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem O MINHO, jornal estritamente digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O MINHO é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Inspirados na filosofia seguida pelo jornal inglês "The Guardian", um dos mais importantes órgãos de comunicação do Mundo, também nós achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler O MINHO, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar O Minho - e só demora um minuto. Obrigado.

Alto Minho

Homem morre após cair de uma ponte em Melgaço

Na freguesia de Cubalhão

em

Foto: O MINHO (Arquivo)

Um homem morreu esta sexta-feira na freguesia de Cubalhão, Melgaço, após cair de uma ponte num curso de água na localidade de Urjaz.

Apesar da pouca profundidade do curso de água, a vítima, um homem de 60 anos, terá caído de uma altura de quase cinco metros, o que terá causado lesões que o impediram de sair do local, segundo avança a Rádio Vale do Minho.

O homem foi retirado da água em paragem cardio-respiratória, não resistiu e teve o óbito declarado no local.

No local estiveram 12 operacionais, duas viaturas dos Bombeiros Voluntários de Melgaço, a VMER de Viana do Castelo, a ambulância SIV de Melgaço. A GNR tomou conta da ocorrência. As causas da queda são desconhecidas.

Continuar a ler

Braga

Festival de Caminhadas, hoje e amanhã, no Gerês

Trilhos andam à volta de Santa Isabel do Monte

em

Foto: geres.pt

Aí está a 7ª edição do Festival de Caminhadas no Gerês. A associação Gerês Viver Turismo organiza este evento pelo sétimo ano consecutivo, em parceria com cinco empresas de animação turística que operam essencialmente no destino turístico Gerês, contando novamente com o apoio da Câmara Municipal de Terras de Bouro.

Em cada um dos dias, hoje e amanhã, vão realizar-se 3 caminhadas guiadas por profissionais experientes.

Os trilhos a percorrer serão diferentes em cada um dos dias, cada um deles com características diferentes na zona envolvente à aldeia de Santa Isabel do Monte.

“Todos os trilhos são circulares e apresentam extensões e graus de dificuldade diferentes, do fácil ao difícil, possibilitando a participação de todos, tanto dos mais experientes como dos que menos experiência possam ter neste tipo de atividades”, refere a organização em comunicado.

No final das caminhadas, em ambos os dias, será promovido o convívio entre todos os participantes com a oferta do típico Caldo no Pote.

Continuar a ler

Famalicão

Famalicão oferece mais quatro mil árvores para adoção

Objetivo é chegar às 25 mil plantadas em 2025

em

Foto: CM Famalicão

O município de Vila Nova de Famalicão quer plantar 25 mil árvores até 2025. O projeto promove, hoje, uma campanha de adoção de árvores com a disponibilização de quatro mil plantas de 15 espécies autóctones diferentes.

A iniciativa vai decorrer ao longo de todo o dia, em dez freguesias do concelho, sendo que das 9:00 às 13:00 a campanha realiza-se em Antas, Arnoso Santa Maria, Seide, Cabeçudos, Vilarinho das Cambas e Joane, e das 14:00 às 18:00, as árvores estarão disponíveis no Louro, Requião, Bairro e Riba de Ave.

Cada cidadão famalicense pode adotar até três plantas.

O projecto prevê, ainda, reabilitar 25 hectares do território com a plantação de 25 mil árvores e arbustos da região em áreas urbanas, espaços rurais, junto às linhas de água e em montes e serras.

Com estas quatro mil árvores hoje entregues, o projeto chega às 17 mil árvores plantadas no concelho aproximando-se do objetivo para 2025.

Continuar a ler
Anúncio

ÚLTIMAS

Reportagens da Semana

EM FOCO

Populares