Seguir o O MINHO

Ave

Câmara de Famalicão exige reabertura da Segurança Social e do Registo Civil

Paulo Cunha

em

Foto: DR

O presidente da Câmara de Vila Nova de Famalicão reclamou hoje medidas urgentes para a reabertura dos serviços concelhios da Segurança Social e do Registo Civil e Notariado, que foram encerrados devido à pandemia de covid-19.

Em cartas dirigidas às ministras do Trabalho e da Justiça, Paulo Cunha refere que o fecho daqueles serviços configura “um cenário muito grave” e apela a “respostas urgentes” para “colmatar a falta de capacidade de resposta” daqueles serviços.

Segundo o autarca de Famalicão, o problema resulta do “emagrecimento” daquelas estruturas que se vem registando ao longo dos anos.

“Se houvesse quantidade de funcionários, podia-se criar equipas espelho, que se fossem revezando”, referiu.

Face à escassez de recursos humanos, a solução foi encerrar os serviços.

“É muito mau”, sublinhou Paulo Cunha, lembrando que aqueles são serviços a que a Câmara não se pode substituir.

Na Segurança Social de Famalicão, registou-se um caso positivo de infeção pelo novo coronavírus e os poucos funcionários que estavam a trabalhar nas instalações foram colocados em isolamento profilático.

Atualmente, e segundo a Câmara, estão ao serviço apenas duas funcionárias, a realizar contactos telefónicos com a população.

No Registo Civil e Notariado, os três funcionários que ali estavam a trabalhar foram também colocados em isolamento, na sequência de um caso positivo.

A agravar a situação, a equipa que se encontrava a trabalhar “em espelho” permanece ainda em isolamento profilático.

As instalações dos dois serviços fecharam e tanto num caso como no outro não há “qualquer previsão” para a reabertura.

“Estamos preocupados com a situação e reclamamos que rapidamente haja substituição de funcionários ou uma solução para que não haja descontinuidade demasiado longa destes serviços”, rematou Paulo Cunha.

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 1.350.275 mortos resultantes de mais de 56,2 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 3.701 pessoas dos 243.009 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

Ave

Marcelo vence em Famalicão com 64%. Ana Gomes com 12,5% e Ventura com 9,8%

Eleições presidenciais 2021

Já está fechada a contagem dos votos no concelho de Famalicão, apontando uma vitória expressiva a Marcelo Rebelo de Sousa. Ana Gomes surge em segundo lugar, seguindo-se André Ventura. Vitorino Silva é quarto.

Fonte: MAI

No concelho de Famalicão, Marcelo Rebelo de Sousa conquistou o primeiro lugar colhendo 37.678 votos, Ana Gomes, em segundo, com 7.285 votos, seguida por André Ventura, com 5.711.

Vitorino Silva fica em quarto, com 2.225 votos, Marisa Matias em quinto, com 1.934, Tiago Mayan em sexto, com 1.920, e João Ferreira, por último, com 1.408.

Continuar a ler

Guimarães

Marcelo vence em Guimarães. Ana Gomes em segundo (e Tiago Mayan em quarto)

Eleições presidenciais 2021

Já está fechada a contagem dos votos em Guimarães, apontando uma vitória expressiva a Marcelo Rebelo de Sousa. Ana Gomes surge em segundo lugar, seguindo-se André Ventura. Tiago Mayan é quarto.

Resultados em Guimarães. Fonte: MAI

No concelho de Guimarães, Marcelo Rebelo de Sousa conquistou o primeiro lugar obtendo 45.360 votos, Ana Gomes o segundo lugar, com 9.144 votos, André Ventura foi terceiro, com 7.984 votos, Tiago Mayan quarto , com 3.023, Marisa Matias surge em quinto, com 2.640, João Ferreira em sexto, com 2.632 e Vitorino Silva, por último, com 2.620.

Continuar a ler

Ave

Motociclista ferido após acidente em Famalicão

Em Calendário

Foto: BV Famalicão / Facebook

Um motociclista, com cerca de 30 anos, sofreu ferimentos na sequência de uma colisão, esta manhã, no concelho de Famalicão, apurou O MINHO junto de fonte dos bombeiros.

A colisão, entre o motociclo e uma viatura ligeira, ocorreu em Calendário, na Estrada Nacional 14. Um bombeiro ‘à civil’ da corporação dos Bombeiros de Famalicão prestou primeira assistência, até chegada dos Bombeiros Famalicenses.

Apesar do aparato, o motociclista sofreu apenas ferimentos ligeiros, sendo transportado pelos Famalicenses para a unidade hospitalar local.

A PSP registou a ocorrência.

 

Continuar a ler

Populares