Seguir o O MINHO

Ave

Câmara de Cabeceiras de Basto suporta custo de embalagens de ‘take away’

Aos restaurantes

em

Foto: Ilustrativa

A Câmara de Cabeceiras de Basto vai suportar os custos associados às embalagens de refeições servidas em ‘take away’ para “dar um impulso à economia, fomentando em simultâneo o consumo”, anunciou hoje a autarquia.

Em comunicado enviado à Lusa, aquela autarquia explica que a medida se enquadra no Programa Municipal de Apoio à Fileira Turística, que tem como objetivo “criar medidas de exceção de apoio à fileira turística que contribuam para minorar os impactos da pandemia” causada pelo novo coronavírus.

A autarquia salienta que “o turismo, no qual se enquadra o setor da restauração, tem sido fortemente afetado e prejudicado com as medidas restritivas que têm vindo a ser implementadas no sentido de travar a propagação da doença, obrigando os estabelecimentos de restauração a fechar portas e, ou, a implementar o serviço em regime de take away”.

O texto refere que “cumprindo a sua missão de apoiar os empresários do concelho, a Câmara Municipal irá suportar os custos associados às embalagens utilizadas para acondicionar as refeições servidas em take away”.

Todos os proprietários dos restaurantes do concelho de Cabeceiras de Basto, interessados em receber as embalagens para o serviço de take away devem enviar o seu pedido para o endereço eletrónico [email protected] até ao próximo dia 22 de fevereiro, procedendo posteriormente a autarquia à sua distribuição.

“A Câmara Municipal apela, assim, aos proprietários dos restaurantes do concelho para que remetam o seu pedido para o referido email, e, desta forma, possam receber as embalagens, permitindo que os seus clientes continuem a saborear, em suas casas, aquilo que de melhor se confeciona em Cabeceiras de Basto”, aponta o texto.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.341.496 mortos no mundo, resultantes de mais de 106,8 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Populares